Polícia Federal prende quadrilha que atacou bancos em Caxias do Sul

Grupo investigado é especializado em furtos em terminais de autoatendimento da Caixa Econômica Federal e atua em diversos estados

A Polícia Federal deflagrou, na manhã de hoje (23 / 4), uma operação Pesca Urbana, para desarticular organização criminosa especializada na prática de furtos em terminais de autoatendimento de agências bancárias da Caixa Econômica Federal em diversos estados do País. O grupo é investigado pelas unidades da Polícia Federal em Caxias do Sul e Sorocaba e teria praticado ações criminosas em vários estados do Brasil, atuando de forma “nômade”, mas com base no estado de São Paulo.

A ação mobilizou 60 policiais federais, que cumprem seis mandados de prisão e 14 mandados de busca e apreensão, nas cidades de São Paulo (SP ) e Vitória da Conquista (BA), além de medidas cautelares para sequestro de bens da organização criminosa.

As investigações em Caxias do Sul iniciaram em janeiro deste ano, a partir da ação da organização criminosa contra nove agências da Caixa Econômica Federal na Serra Gaúcha. Na sequência, o grupo prosseguiu no Rio Grande do Sul com as agências da Caixa Econômica Federal nas regiões da Grande Porto Alegre e do litoral gaúcho, e, posteriormente, em outros estados.

A ação desta sexta-feira visa à prisão de membros da organização criminosa e a apreensão de novos elementos de provas, bens adquiridos com o produto dos crimes e outros a serem identificados com uma análise do material arrecadado, para cobrir os perdaszos gerados pelas condutas ilícitas.