UPAs de Caxias do Sul receberão tendas externas 24H para atender sintomas leves de Covid-19

Em entrevista, o diretor municipal da Rede de Urgência e Emergência detalhou como será o trabalho nos locais

As duas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Caxias do Sul receberão tendas de triagem para prevenção contra o novo coronavírus (Covid-19). O objetivo é atender pessoas com sintomas leves da doença, 24 horas por dia, a fim de separar possíveis casos de outras demandas. A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) iniciou a montagem das estruturas, nesta quinta-feira (26/03). A expectativa é que na próxima segunda-feira (30/03) inicie as atividades.

Em entrevista ao programa Em Alta, da Tua Rádio São Francisco, o diretor da rede municipal de Urgência e Emergência do Município, Fábio Baldisserotto, explicou como será a organização nas UPAs Central e Zona Norte. “Inicialmente, as tendas funcionarão com um consultório pediátrico e outro adulto. As estruturas internas têm capacidade para cinco consultórios adultos e dois destinados para a pediatria, podendo ser ampliadas de acordo com a demanda. Como estamos com pouca procura nas UPAs, vamos conseguir tirar um médico clinico para cada público a fim de fazer atendimento externo.” .

Conforme Fábio, os pacientes com sintomas de coriza, febre e falta de ar serão encaminhados para as tendas, com o intuito de não contaminar a parte interna das unidades, caso tenham contraído o vírus. “Teremos um funcionário da UPA, da área da saúde, fazendo uma triagem na entrada da unidade antes do cidadão adentrar. As pessoas serão questionadas rapidamente para os direcionarmos em um dos espaços. Os pacientes encaminhados para o ambiente externo serão aqueles que podem ser atendidos em formato de consultório, caso tenha um quadro mais grave, eles irão para dentro das UPAs para um serviço mais adequado”.

Ele ainda explica qual a outra intenção. “A ideia é que façamos essa triagem na entrada dos locais com o propósito de atendermos rapidamente essas pessoas com quadro respiratório leve, dando o encaminhamento correto. Também serão disponibilizadas orientações, quanto à medicação, e atestado médico, além de pedido de isolamento domiciliar para que evite contato com outras pessoas.”.

CLIQUE AQUI e confira a entrevista completa concedida aos repórteres Rodrigo Fischer e Fernando Levinski.

Link para notícia no site Tua Rádio