Siscovid ajuda a garantir a vacinação do maior número de pessoas

Coordenadora de ações em saúde de Marau fala sobre a importância do cadastro

A segunda quinzena do mês de março trouxe mais uma regra para os marauenses que querem ser vacinados contra um Covid – 19, a apresentação de um pré – cadastro feito através da Prefeitura Municipal, o Siscovid. Essa exigência acabou gerando algumas dúvidas, que foram esclarecidas pela coordenadora de ações em saúde de Marau, Fernanda Garbin.

Em entrevista a Tua Rádio Alvorada, Fernanda explica que o cadastro foi criado para um melhor planejamento e organização dos profissionais. A estimativa populacional que o Ministério da Saúde utiliza, aponta ela, é feita com dados de 10 anos atrás com projeções para 2021, ou seja, não tem informações precisas e acaba não fechando com o número de idosos residentes no município. Com o cadastro, é possível informar o Ministério da Saúde sobre as doses faltantes. Além disso, explica Fernanda, pessoas de outros municípios estavam vindo até Marau na tentativa de se vacinar, porém, isso não é possível, cada pessoa deve se vacinar no seu próprio município e o cadastro ajuda a fazer esse controle.

Vacinação dos idosos com 67 anos

Nesta quarta – feira, 31 / 03, acontece a vacinação dos idosos com 67 anos. Seguindo o mesmo modelo das etapas anteriores, a vacinação acontece pelo sistema drive-thru na praça de alimentação do Parque Lauro Ricieri Bortolon, das 7h ás 10 h da manhã. É obrigatório apresentar o comprovante de cadastro do Siscovid, Carteira de Identidade, Cartão SUS e Carteira de Vacinação.