Neuropsicologia: avaliação e diagnóstico

O procedimento é usado para auxiliar no diagnóstico de pacientes bastante neurológicos e também da psiquiatria

A neuropsicologia é uma avaliação que busca entender de forma mais completa a relação do cérebro e do comportamento humano, isso é o que explica a psicóloga, Daiane Pradegan, em entrevista que concedeu à Tua Rádio Alvorada. Segundo ela, essa técnica teve mais reconhecimento durante os períodos de guerra, quando muitos soldados retornavam dos campos de conflito com cerebrais e apresentavam algumas dificuldades de memória, atenção, linguagem e, em alguns casos, passavam por mudanças de personalidade de personalidade. Com o aprimoramento dos exames de neuroimagem na década de 90, explica Daiane, foi possível provar a relação entre as funções cognitivas e as áreas cerebrais.

Daiane explica que o procedimento é bastante usado para auxiliar no diagnóstico de pacientes da neurologia e também da psiquiatria. A avaliação, acrescenta ela, exige de três a nove horas, dependente das demandas do paciente. De acordo com Daiane, alguns pacientes chegam ao consultório solicitando por uma única sessão, porém, isso não é possível já que uma neuropsicologia busca, não só por um diagnóstico, mas também, por alternativas que melhorem a qualidade de vida do paciente, dessa forma , é importante conhecer uma pessoa que está sendo avaliada.

A avaliação, explica Daiane, é realizada através de testes e questionários de uso exclusivo dos profissionais da psicologia, segundo ela, algumas pessoas buscam por testes na internet tentando fazer uma autoavaliação, um comportamento que não é recomendado. A neuropsicóloga ainda contém que um dos benefícios da avaliação em crianças é detectar algum distúrbio precoce de desenvolvimento ou de aprendizagem, e assim, trabalhar com essas questões desde cedo.

Confira a entrevista completa com Daiane Pradegan no áudio da matéria.

intranet/userfiles/noticias/b8e2794670022aa87de948dbf86a5e71.mp3