Estado já perdeu quase 90 mil empregos formais em 2020

Cerca de 88,6 mil vínculos foram encerrados. Número representa redução de 3,5%.
Influenciado pela pandemia e a estiagem, o mercado de trabalho formal no Rio Grande do Sul apresentou uma redução significativa entre os meses de janeiro e agosto. Segundo dados do boletim de trabalho, produzido pela Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão, 88,6 mil empregos foram encerrados no período.

O documento aponta que os mais prejudicados foram mulheres, trabalhadores menos escolarizados e a população com idade igual ou superior a 50 anos. Já os setores que mais sentiram os efeitos foram Comércio e Serviços.

O pesquisador Guilherme Xavier Sobrinho, um dos responsáveis pelo documento, deu mais detalhes sobre o boletim em entrevista ao No Ponto desta quinta-feira (15. O documento na íntegra você confere AQUI.

(Ouça a entrevista abaixo do título)

Cerca de 88,6 mil vínculos foram encerrados. Número representa redução de 3,5%.

Influenciado pela pandemia e a estiagem, o mercado de trabalho formal no Rio Grande do Sul apresentou uma redução significativa entre os meses de janeiro e agosto. Segundo dados do boletim de trabalho, produzido pela Secretaria de Planejamento, Governança e Gestão, 88,6 mil empregos foram encerrados no período.

O documento aponta que os mais prejudicados foram mulheres, trabalhadores menos escolarizados e a população com idade igual ou superior a 50 anos. Já os setores que mais sentiram os efeitos foram Comércio e Serviços.

O pesquisador Guilherme Xavier Sobrinho, um dos responsáveis pelo documento, deu mais detalhes sobre o boletim em entrevista ao No Ponto desta quinta-feira (15. O documento na íntegra você confere AQUI.

(Ouça a entrevista abaixo do título)

Link para notícia no site Tua Rádio