Dermatologista orientado sobre cuidados com o uso e remoção da maquiagem

Dermatologista orientado sobre cuidados com o uso e remoção da maquiagem

Medidas de higiene, deixar a pele mais saudável e hidratada

Durante o longo período de distanciamento social imposto pela pandemia muito se falou em uma não diminuição do uso de maquiagens. Porém, com a situação um pouco mais flexível e a retomada de muitas atividades presenciais, o uso frequente da maquiagem voltou. Os produtos deixam o visual mais bonito, mas acabam guardando sujeiras, pó, suprime e suor que são acumulados durante o dia e, se não for removidos, podem causar problemas na pele. A longo prazo, a pele pode ficar com poros oferecidos e sem brilho. Uma das dúvidas mais comuns entre as mulheres é qual o jeito certo de fazer a remoção sem que traga algum prejuízo para pele.

A presidente da Sociedade Brasileira de Dermatologia – Seção RS (SBD-RS), Analupe Webber, lembra que o importante é remover a maquiagem, seja ao chegar do trabalho, no banho um pouco mais tarde. Um especialista falou sobre o assunto em entrevista ao programa Temática na manhã desta quarta-feira. Confira na íntegra (acima).

Um sabre: De acordo com dados Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec), em 2020, houve uma redução nas vendas de produtos de beleza de 19%. Com a obrigação de usar proteção no combate ao coronavírus, as mulheres usam de produtos que a máscara esconde, como a base, o pó, o blush e, principalmente, o batom.

intranet/userfiles/noticias/a1b7ffbffeb4396dd61de6549cae4def.mp3