Caxias do Sul recebe 11 mil doses da vacina contra a Covid-19 nesta sexta-feira (09)

Lote chegou às 10h30min, por meio de um helicóptero da Brigada Militar (BM)

A distribuição das 301.550 doses da vacina contra a Covid-19 foi realizada nesta sexta-feira (09/04) aos municípios gaúchos. Foram fornecidos lotes da Coronavac (141.800 doses) e da Oxford/Astrazeneca (159.750 doses) na décima rodada de transporte de imunizantes. Na Serra Gaúcha, o montante chegou às 10h30min, por meio do helicóptero da Brigada Militar (BM).

Segundo a 5ª Coordenadoria Regional de Saúde (5ª CRS), 29.650 doses chegaram à Serra Gaúcha. Dessas, 13.490 correspondem a Coronavac e 16.160 a Oxford/Astrazeneca. Caxias do Sul ficou com 11.511 imunizantes (5.310 da Coronavac e 6.205 da Astrazeneca). Parte delas será utilizada para a segunda vacinação de idosos de 75 anos ou mais, a partir da próxima semana. Elas são destinadas aos que fizeram a primeira dose da Coronavac entre os dias 15 e 19 de março. O cronograma é da Prefeitura caxiense.

 O Governo do Estado salienta que as doses da Oxford/Astrazeneca darão início a imunização, com a primeira dose, de todos os idosos de 64 anos e, parcialmente, a faixa de 63 anos. Outra parte da remessa será usada para dar continuidade à aplicação da primeira dose do grupo de Forças de Segurança e Salvamento e Forças Armadas, conforme chancelado pelo Ministério da Saúde e definido pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB), com participação da Secretaria da Saúde (SES) e do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul (Cosems-RS).

Neste grupo, a imunização deverá ser direcionada à servidores do Instituto-Geral de Perícias (IGP), do Departamento Estadual de Trânsito do (DetranRS) e da Polícia Federal (PF). Há uma semana, com doses do lote anterior, teve início a vacinação de 100% dos efetivos de BM, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar (CBMRS), Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), Polícia Rodoviária Federal (PRF) e guardas municipais. Com isso, todos os operadores da Segurança Pública do Estado estão contemplados.

No Rio Grande do Sul, dados mostram que 64% dos grupos foram vacinados de acordo com as doses fornecidas. O informe do Ministério da Saúde coloca que o contingente deve ser para aplicação de segunda dose da Astrazeneca, a partir de 25 de abril, além de uma pequena reserva técnica para casos de avarias ou perdas.