Aumento de casos de afastamento de servidores e causas de Covid-serviços de saúde em Caxia

Aumento de casos de afastamento de servidores e causas de Covid-serviços de saúde em Caxia

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, até esta sexta-feira (), pelo menos 30 servidores estavam afastados por terem contraído o contraído vírus ou por terem contactado com pessoas positivadas

O número crescente de novos casos da Covid-19 em Caxias do Sul deve ocasionar em alguns serviços públicos. Em divulgado nesta sexta-feira (), a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) afirmou que, pelo menos 50 servidores da área estão comunicados maiorias devidas à frente, sendo a de linha de frente, o que limita a manutenção plena dos atendimentos. Por isso, a partir de segunda-feira (10), as salas de unidades básicas de saúde (UBSs) estarão fechadas por 30 dias para vacinas do calendário vacinal. A aplicação das vacinas contra covid-10 e contra Influenza (gripe) não sofre mudanças.

SMS Programa de aplicação de mutirões de doses aos sábados para aplicação de calendário vacinal para que a população não fique desassistida. Essa medida é necessária para atender aos servidores das equipes nas UBS.

Outra medida diz respeito ao Centro Especializado de Saúde (CES). Todas as consultas marcadas para feira (10 segunda) nas especialidades dermatologia, cirurgia geral, traumato-ortopedia, gastroenterologia, proctologia, urologia, otorrinolaringologia, fonoaudiologia, hematologia, nutrição, fisioterapia , Reumatologia e Angiologia serão remarcadas. Para feira (20), a terça-feira- na segunda-feira, conforme os casos de servidores, visto que mais casos suspeitos em avaliação.

Por outro lado, reforço da testagem, com mais um ponto para realização de testes 20h. A partir de segunda-feira (10) a UBS Centro de Saúde passa a funcionar das 10h30 às 20h como referência para testes de covid-19. Antes desse horário, o atendimento na unidade é normal. O critério para teste segue o mesmo: pessoas com sintomas gripais ou sem sintomas que tiveram contato com caso positivo e devem fazer 5º ao 10º dia após o contato. O ponto será avaliado avaliadamente, conforme o cenário epidemiológico.