Após verba oficializada pelo Governo do Estado, Hospital Geral planeja segunda fase de reformas no complexo

Após verba oficializada pelo Governo do Estado, Hospital Geral planeja segunda fase de reformas no complexo

Governador em exercício, Ranolfo Vieira Júnior, assinou documento na terça-feira (10) para repassar R $ 11 milhões ao HG, que ajudará a finalizar a primeira fase, englobando as obras de ampliação

O repasse de R $ 11 milhões ao Hospital Geral (HG) pelo Governo do Estado foi oficializado na terça-feira ( / 05), em Caxias do Sul. O ato de assinatura do recurso foi realizado pelo governador em exercício, delegado Ranolfo Vieira Júnior, em solenidade nas dependências da instituição. A verba vai ajudar na conclusão das obras de ampliação do hospital.

O montante provém do Programa Avançar, lançado pelo governo estadual neste ano. O eixo Saúde, apresentado no início de setembro, vai destinar R $ 118, 7 milhões aos hospitais do Rio Grande do Sul. O Hospital Geral foi um dos contemplados com a quantia, colaborando para finalizar o aumento de 70% na estrutura física do HG e de 60% na capacidade de assistência. Conforme o governador em exercício, Ranolfo Vieira Júnior, os recursos na área da saúde sempre são bem-vindos, especialmente, em uma casa de saúde com essa complexidade de atendimentos e representatividade para a Serra. (Clique AQUI e confira o pronunciamento).

Com o repasse, o HG será capaz de comportar 118 leitos, entre Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e de internação. É um acréscimo de 89 leitos para atender os municípios da Serra Gaúcha. A divisão fica a seguinte: UTI Adulto – 11 leitos; UTI Pediátrica – 10 leitos; UTI Neonatal – 05 leitos; e Internação – 60 leitos. Segundo as informações da instituição, perto de 1,2 milhão de pessoas são atendidas pelo hospital, distribuídas nos 45 municípios da região. De acordo com o diretor-geral do Hospital Geral, Sandro Junqueira, foi prometido que a verba estaria disponível no fim desta semana ou, no máximo, no início da próxima. Em paralelo, já está sendo finalizado o processo licitatório para contratar a empreiteira que fará o trabalho de ampliação. A expectativa é que até o dia 11 de outubro escolhida a empresa, por meio de licitação por tomada de preços. Ele acredita que o complexo será concluído em março de 2020. (Clique AQUI e confira o pronunciamento) .

Junqueira afirma que com o recurso do Estado, mais verbas parlamentares, será possível completar a primeira fase de obras no hospital, que é a ampliação do Geral. Nos próximos dias, ele conta que será lançado do segundo estágio de processamento, que compreende as reformas do Pronto Socorro e do Centro Obstétrico e na criação de uma subestação de energia elétrica. A verba necessária chega a R $ milhões. (Clique AQUI e confira o pronunciamento ).

A campanha #TodosPeloGeralParaTodos foi lançada em 2020 com o objetivo de arrecadar R $ 37 milhões para a obra e a ampliação no número de leitos clínicos e de UTI.