Vereador estuda criação de frente parlamentar para tratar do acesso à internet no interior de Caxias

vereador-estuda-criacao-de-frente-parlamentar-para-tratar-do-acesso-a-internet-no-interior-de-caxias

Ricardo Daneluz criticou a precariedade do serviço na sessão da Câmara desta quinta-feira (01 / 07)

A frágil conectividade de internet e de telefonia no interior de Caxias do Sul anteriores críticas do vereador Ricardo Daneluz (PDT), na sessão desta quinta-feira (1º / 07). Daneluz lamentou a precariedade da conexão com a internet que tem transmissão transtornos à população da área rural. Também comentou sobre mudanças recentes no Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (FUST).

O vereador adiantou a intenção de instalar uma frente parlamentar para tratar, especificamente, do acesso à internet nos distritos caxienses.

Daneluz afirmou que a zona rural de Caxias carece de estruturas tecnológicas referente a Internet. A partir de reunião com o gerente de Universalização da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Eduardo Jacomassi, o vereador informou que, no Brasil, há mais de 47 mil localidades sem telefonia e conexão à internet banda larga.

“Em meio a tantas tendências e à realidade dos anos, é difícil acreditar e impossível aceitar que ainda existem comunidades sem qualidade de qualidade em internet e telefonia”, ponderou o vereador.

Daneluz reconheceu as dificuldades e limitações enfrentadas tanto pelo município quanto pelas operadoras, em função dos altos investimentos e do número baixo de moradores do interior, se comparado às regiões da cidade. Mas conhecido que há soluções, por meio de conversas com outros poderes, como no nível federal, para buscar soluções.

Nessa linha, comentou a respeito da alteração na legislação do FUST, que servia, boletim, para investimento na telefonia fixa. Segundo Daneluz, essa modalidade de conexão não é mais uma necessidade, portanto, se acumularam mais de R $ 20 bilhões no fundo, que estaria sem utilidade.

De acordo com o vereador, foi aprovada no Congresso, em novembro de 2020, após 10 anos de tramitação, a alteração que permite o uso do fundo para internet banda larga e para telefonia móvel do país. “Não vou dizer que foi graças a nós, mas também contribuímos para que isso fosse agilizado. O FUST melhora muito as condições para nós conseguirmos cobertura do sinal que precisamos ”, afirmou Deneluz, ressaltando que houve mobilização de sua parte nesse sentido.

O vereador Olmir Cadore (PSDB) parabenizou Daneluz pelo tema e se destacou pela importância da tecnologia para o interior como forma de fortalecer os negócios. Já o vereador Clóvis Xuxa (PTB) afirmou que a conectividade faz com que o jovem permaneça no campo. O presidente da Comissão de Agricultura, Agroindústria, Pecuária e Cooperativismo da Câmara, vereador Lucas Caregnato (PT) também reforçou a importância do tema.

Também se manifestaram sobre o tema abordado pelos vereadores Sandro Fantinel (PATRIOTA) e Juliano Valim (PSD).