Prefeitura de Caxias do Sul publica novo decreto com permissão para aulas presenciais e ampliação de horários de restaurantes

Novas regras foram divulgadas nesta sexta-feira e passam a valer neste sábado

A Prefeitura de Caxias do Sul publicou um novo decreto nesta sexta- feira (23) adaptando as regras do município ao decreto estadual 55. 852, que institui novas normas ao modelo de distanciamento controlado. As novas regras passam a valer neste sábado (24).

Entre as mudanças, está o retorno às aulas das crianças de educação infantil e dos primeiros e segundos anos do ensino fundamental. O anúncio da cogestão na educação foi feito na manhã desta sexta pelo governador Eduardo Leite. Conforme a secretária de Educação, Sandra Negrini, a rede municipal não irá retomar as aulas já na segunda-feira ( / 04). Segundo ela, as instituições ainda precisam fazer as adequações para receber os estudantes.

Outras alterações do decreto se útil à liberação de atividades como museus e ampliação do horário de atendimento dos restaurantes aos finais de semana.

Mesmo com as flexibilizações, a Prefeitura solicita que toda a população continue mantendo os cuidados pois os números da pandemia no município estão estáveis, porém, em nível elevado. Nesse sentido, uma secretária de Saúde, Daniele Meneguzzi ressalta que a situação dos hospitais ainda é crítica. Há uma redução na ocupação dos leitos de UTI covid, especialmente na rede privada. Mas, segundo ela, a redução ainda é pequena. Havia uma previsão de curva decrescente após duas semanas, mas Caxias do Sul está há 21 dias em estabilidade de números.

Principais mudanças que entram em vigor neste sábado:

– retorno das aulas presenciais para educação infantil, 1º e 2º ano do Ensino Fundamental; plantões para atendimento aos alunos do Ensino Médio Técnico Subsequente, de Ensino Superior e de pós-graduação; estágio curricular obrigatório, de pesquisas, laboratoriais e de campo, e de outras escolhidas essenciais para a conclusão de curso e para a manutenção de seres vivos, conforme normativa própria; cursos de ensino profissionalizante, de idiomas, de música, de esportes, dança e artes cênicas, e de arte e cultura (chamados cursos livres).

– ampliação do horário de restaurantes nos finais de semana até 22 h, com saída até 23 h;

– novos protocolos para museus, parques, condomínios e competições oficiais na bandeira vermelha.