Pandemia faz Governo adiar parcelas do Simples Nacional

Valores referentes a março, abril e maio poderão ser pagos no segundo semestre juntamente com os demais

 

Devido a pandemia de Covid-19 e o fechamento de milhares de empresas em todo o Brasil, o Governo Federal anunciou o adiamento de parte dos impostos que incidem no Simples Nacional pelo período de três meses. A medida objetiva reduzir os efeitos relacionados à pandemia nas micro e pequenas empresas, resguardar empregos e o pagamento de salários. 

No Rio Grande do Sul são mais de 962.875 empresas optantes do Simples, sendo mais de 48 mil só em Caxias do Sul.

O especialista em Direito e Processo Tributário, Guilherme Luvisotto, do escritório Luvisotto e Franz – Sociedade de Advogados -, em Curitiba, esclarece dúvidas e traz mais informações para quem optou por esse regime tributário no começo do ano e enfrenta a suspensão das atividades. O profissional falou sobre o assunto em entrevista ao programa Temática na manhã desta terça-feira. Confira na íntegra.

 

Link para notícia no site Tua Rádio