Norte Gaúcho deve ter a semana mais fria do ano

norte-gaucho-deve-ter-a-semana-mais-fria-do-ano

Temperatura mínima prevista na região é de 3 graus negativos

Em virtude de notícias que estão sendo veiculadas sobre o frio intenso na região Sul do Brasil , a Coprel está compartilhando uma previsão do tempo feito pela equipe de meteorologistas da Aquaeris – empresa com uma parceria de qualidade para o monitoramento do clima em sua área de atuação. De acordo com a nota técnica, será a frente fria mais forte deste inverno, com queda acentuada nas temperaturas já a partir da madrugada desta terça-feira, 27 / 07.

Num primeiro momento, vai ter chuva com volumes estimados entre 15 a 30 milímetros. Nesse evento, não se descarta a possibilidade de realização de temporais. Na sequência, uma intensa massa de ar frio e seco (massa de ar polar), que avança pelo sudoeste gaúcho, traz declínio acentuado nas temperaturas. Entre a quarta-feira, 28, e o sábado, 31 / 07, a massa de ar frio se instala e deve proporcionar dias de frio intenso, com temperaturas negativas especialmente no amanhecer de quarta, quinta e sexta. As máximas ficam por volta de 8 a 07 graus obrigatórios dias ea mínima obrigatória na quinta-feira, 29 / , com 3 graus negativos.

Com a intensidade do ar de origem polar, há condições para neve ou chuva congelada na noite de quarta e madrugada de quinta-feira, em municípios como Soledade, Gentil, Barros Cassal e arredores. Trata-se de uma sequência de dias com formação de geada forte e mnão se descarta a geada negra. Ainda conforme a Coprel, já aconteceram outros episódios de frio intenso como esse, nos anos 2000, 2007, 2009 e 2013. Apesar da previsão, não se configura uma situação de calamidade.

Recomendações para dias de frio intenso:

– Atenção com a população mais vulnerável (idosos, crianças, enfermos e moradores em situação de rua);

– Atenção aos animais domésticos devem ser abrigados nas noites mais frias;

– Usar bastante agasalho;

– Manter o consumo de água;

– Evitar locais fechados e com muita circulação de pessoas;

– Adotar medidas preventivas em relação a geada, para reduzir perdas.