Menino caxiense precisa de doadores de medula óssea

A família de Arthur Henrique Rocha Tappero, 8 anos em busca de doadores para viabilizar o tratamento de leucemia

Arthur luta contra o câncer há mais de três anos. Já passou por quimioterapia e outros tratamentos e estava na condição de recuperado, até que recentemente a doença voltou. Agora ele precisa de transplante de medula óssea para ter uma chance de dar andamento aos procedimentos médicos.

A psicóloga da Domus – Associação de Amparo a Criança com Câncer da Serra Gaúcha, Renata Boff, concedeu entrevista ao programa Temática na manhã desta quinta-feira, quando falou sobre o caso e reforçou a importância da doação de medula óssea.

Confira na íntegra.

Um sabre: qualquer pessoa entre 18 e 55 anos de idade que está em boa condição de saúde, pode doar medula óssea. Para isso, basta agendar o procedimento no Hemocs pelo telefone (18) 3290 – 4543.

intranet/userfiles/noticias/4f7d4045916ed409e83999481484043d.mp3