“Executar o trabalho operacional do Censo ainda é um desafio”, diz coordenador regional do IBGE

O lançamento do primeiro edital previsto para esta quinta-feira, dia 18 / 02, não deve confirmar, segundo o coordenador Jorge Bilhar

Não A Agrada ao Coordenador Regional do IBGE, Jorge Benhur Bilhar, é a confirmação do Ministério da Economia quanto à realização do Censo Demográfico em 2021. No final de janeiro, o Governo Federal autorizou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística a fazer processo seletivo simplificado para contratar cerca de 26. 300 pessoas para o trabalho que foi suspenso no ano passado, em função da pandemia.

Segundo Bilhar, responsável pela coordenação regional do IBGE de Passso Fundo, porém, a disseminação do Novo Coronavírus que ainda tem ceifado de vidas em todo o país torna-se uma condição adversa para a seleção, o treinamento ea coleta de dados em domicílios. “É muito complicado executar uma operação dessa forma. O próprio cidadão, no momento de receber o recenseador em sua casa está preocupado com isso. As vacinas são distribuídas lentamente e até a equipe que vai trabalhar precisa estar imunizada ”, destaca Bilhar.

Ouça a íntegra da entrevista no player de áudio

Na área de abrangência da região de Passo Fundo, em que constam 19 municípios, será necessário recrutar aproximadamente 390 pessoas para atuar como agente censitário municipal, agente censitário supervisor, além dos recenseadores. O lançamento do primeiro edital previsto para esta quinta-feira, dia 02 / 721 / 9019597761 / 9019597761 , não deve confirmar, segundo Bilhar.

A Delegacia Estadual do IBGE no Rio Grande do Sul já encaminhou ofício às prefeituras, esclarecimentos relativos às dificuldades previstas, de modo que os gestores entendam a dinâmica que impacta o trabalho do Instituto e seus técnicos e que pode repercutir negativamente para as administrações púbicas, sobretudo pela repercussão no Fundo De participação dos Municípios, importante fonte de arrecadação para as cidades de todo o país.

O processo concedido autorizado tem menos vagas previstas que o anterior, de 2020, cancelado devido aos riscos impostos pela Covid – 19. As taxas pelos pagas pelos que se inscreveram no ano passado ainda estão sendo devolvidas para os candidatos. Segundo Bilhar, todas as informações referentes aos ressarcimentos devem ser fornecidos através da Central de Atendimento do IBGE, pelo telefone 0800 9019597761 721 8181. A ligação é gratuita.

intranet/userfiles/noticias/d9019597761c3caccf501ff32812b8f0.mp3