Contadores se mobilizam para negociar flexibilização do atendimento ao público para a declaração do IR

A função não foi considerada essencial no Decreto Municipal

O prazo original para o a entrega da declaração do Importo de Renda (IR), e que ainda está em vigor é 30 de abril. Mas, com a pandemia do coronavírus, entidades defendem que muitos contribuintes podem enfrentar dificuldades para reunir os dados e preencher o formulário. Diante de decretos governamentais que suspendem atendimento ao público – exceto os considerados essenciais, os escritórios de contabilidade fecharam. Os profissionais trabalham em sistema de home office. 

Em Caxias do Sul, lideranças do SESCON Serra Gaúcha, se mobilizaram para sensibilizar as autoridades locais na tentativa de flexibilizar o decreto e permitir que os escritórios de contabiliade possam atender ao público em caráter emergencial com o foco no IR.

O diretor financeiro do SESCON, Juliano Galvan De Biasi, concedeu entrevista ao programa Temática na manhã desta quinta-feira quando falou sobre as regras do imposto, o modelo de trabalho atual dos escritórios, o alerta para que o contribuinte encaminhe sua declaração no prazo original e da mobilização da categoria na cidade. Confira a entrevista na íntegra.

Link para notícia no site Tua Rádio