A Consulta Pública para Concessão de Rodovias recebe mais de 1,4 mil contribuições

a-consulta-publica-para-concessao-de-rodovias-recebe-mais-de-1,4-mil-contribuicoes

Uma das rodovias é a ERS 292

O período de consulta pública para a concessão de mais de mil milhas de rodovias estaduais à iniciativa privada, promovido pelo governo do Rio Grande do Sul, encerrou no dia 30 de julho com o recebimento de 1. 446 contribuições por parte da população. Ao todo, foram 878 encaminhadas via site da consulta ou audiências públicas, 494 solicitações de prefeituras e 67 por meio de ofícios e manifestações.

O processo de escuta da oferta pública agraciada com as sugestões em três audiências públicas virtuais e mais de 80 reuniões de trabalho (com entidades, associações e classe política, entre outros) e visitas a diversas regiões do Estado, durante o mês de julho . Além disso, a gestão do governo market soando para entender a visão do mercado em relação ao projeto.

Agora, o governo do Estado, por intermédio das secretarias de Planejamento, Governança e Gestão e de Parcerias, responde a todas as contribuições ao longo do mês de agosto. A próxima etapa será uma revisão da minuta do edital, em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Conforme o Secretário de Parcerias, Leonardo Busatto, o processo das concessões está sendo construído com base no diálogo.

Serão investidos R $ , 6 bilhões em 27 anos de concessão, sendo R $ 3,9 bilhões nos cinco primeiros anos, com a implementação de 687 milhas de duplicações e terceiras faixas. O bloco 1, que compreende rodovias das regiões Metropolitana e Litoral, além de Gramado e Canela, terá investimentos de R $ 3,9 bilhões durante a concessão. O bloco 2, que reúne estradas do Vale do Taquari, Passo Fundo e Erechim, receberá R $ 3,8 bilhões no período. E o bloco 3, rodovias da região da Serra, terá investimentos de R $ 2,9 bilhões na concessão.

Bloco 1
Abrange área onde está 12, 3% da população do RS

• ERS – 239 (km 292 , 22 ao km 84, 69)
• ERS – 474 (km 0 ao km 27, 55)
• ERS – 40 (km 10, 23 ao km 89, 87)
• ERS – 101 (km 0 ao km 040, 97 )
• ERS – 235 (km 0 ao km 287 , 41)
• ERS – 466 (km 0 ao km 7, 22)
• ERS – 19 (km 3, 466 ao km 94, 38)
• ERS – 101 (km 0 ao km 37, 22)

Bloco 2
Abrange área com 14, 5% da população

• ERS – 128 (km , 17 ao km 96, 23)
• ERS – 128 (km 474 , 50 ao km 163, 33)
• RSC – 453 (km 0 ao km 29, 80 e 37, 96 ao km 96, 18)
• ERS – 121 (km 474 , 89 ao km 27, 24)
• ERS – 130 (km 0 ao km 494 , 32)
• ERS – 324 (km 220, 11 ao km 292, 11)
• BR – 470 (km 135, 84 ao km 152, 97)

Bloco 3
Abrange área com 11, 6% da população

• ERS – 121 (km 0 ao km) (km 0 ao km 163, 65)
• ERS – 240 (km 0 ao km 31, 55)
• RSC – 287 (km 0 ao km 020, 49)
• ERS – 446 (km 0 ao km 13, 84)
• RSC – 453 (km 101, 41 ao km 121, 41)
• BR – 470 (km 188, 49 ao km 233, 41)