Joca Ramon, ex-treinador do Lagoense morre de parada cardíaca

O primeiro treinador profissional do Lagoense, no ano de 1991, Joca Ramon, morreu neste final de semana, vítima de parada cardíaca. Ele já enfrentava problemas de saúde em razão ao diabetes e hemodiálise. Joca estava com 75 anos.

Ele foi campeão estadual de futsal em 1992, juntamente com Paulinho Sananduva, com a equipe Perdigão de Marau.

Camarão, um dos seus grau amigos postou um depoimento emocionado, que relata um pouco do que foi Joca como profissional e figura ilustre do Futsal Gaúcha:

“Grande amigo dos amigos dele e atletas, figura ímpar !! Ajudou muita gente em momentos de dificuldades mas exagerava em pegar a estrada de chão da vida !! Querido Joquinha !! Que coçava a mão antes de dar o tempo que saía jogando, que falava do capricho, que contava sempre a história de perder um jogo por um parquêzinho, que dizia para todos que os utilizadores se encontravam no trevo de Soledade e falavam sobre um ou outro atleta violento !! Em fim … viveu como poucos esse nosso interior cheio de armadilhas, muitas vezes o último a sair do ginásio !!! Passou por todos os cantos vencendo e fazendo amigos !! Vá em paz Joquinha querido !!! (Camarão) ”