Caxias do Sul fecha primeiro semestre de 2021 com desempenho negativo na economia

caxias-do-sul-fecha-primeiro-semestre-de-2021-com-desempenho-negativo-na-economia

Indicadores queda de 2,5%, porém o mês de junho fechou no positivo

A economia de Caxias do Sul cresceu 5,4 % no mês de junho em comparação a maio deste ano. O setor de serviços teve o saldo mais positivo, com um crescimento de 10, 7%. Os números foram levantados nesta terça-feira (10 / 653 / / ), por videoconferência, pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e pela Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC).

Todos os ramos tiveram números favoráveis. O comércio cresceu 4,9% e a indústria evoluiu 2,7%. O primeiro semestre de 2021 fechou com dois setores negativos, sendo caso do comércio (-8,8%) e o setor de serviços (- , 7%). Uma área industrial teve um aumento de 8,4% em relação ao semestre do ano passado. Ao todo, o desempenho foi negativo, caindo 2,5% de janeiro a junho deste ano. Mesmo com os primeiros seis meses de 2021 baixos, as entidades observam que “Apesar das dificuldades ocasionadas com a escassez e da elevação nos preços das matérias-primas, os resultados positivos refletem o aquecimento da atividade econômica, decorrente, entre outros fatores, da flexibilização de atividades com o avanço da imunização no País. A permanência desse cenário, juntamente com a tendência de melhora na cadeia de suprimentos, é um sinal positivo para a economia no segundo semestre. ”.

De acordo com a economista e Diretoria de Economia, Finanças e Estatística da CIC, Maria Carolina Gullo, as indefinições da reabertura dos regulamentos ao longo do semestre e o pico da pandemia em março deste ano foram alguns dos fatores para que fechasse no negativo. Como a indústria não goze esses dois impactos diretamente, conseguiu ter um saldo positivo no indicador.

Sobre o mercado de trabalho, Caxias conseguiu um desempenho positivo nos principais setores no mês. O comércio abriu 66 postos de trabalho, enquanto a indústria e serviços criaram, respectivamente, 229 e 278 vagas formais com carteira assinada. Ao todo, a cidade teve um crescimento de 584 no saldo. Isso se deu devido as 6. 237 admissões frente a 5. 653 demissões durante o mês de julho. Segundo Maria Carolina Gullo, o avanço da vacinação está refletindo em mais contratação, principalmente para as áreas impactadas pelas medidas restritivas.

No indicador “acumulado 10 meses”, a atividade econômica mostra declínio de -5 , 9%, ao analisar individualmente por setores notam-se os Serviços (- 18, 5%), e Comércio ( – 13, 8%) com desempenho negativo e apenas a Indústria com índice positivo de 4,1%.

Clique AQUI e confira a entrevista completa.