Câmara de Vereadores de Gramado é a primeira do país com adesão ao movimento ElesPorElas da ONU

camara-de-vereadores-de-gramado-e-a-primeira-do-pais-com-adesao-ao-movimento-elesporelas-da-onu

O ato foi coordenado pelo presidente da Câmara, vereador Professor Daniel (PT), e contou com a participação online do deputado estadual Edegar Pretto (PT), que é coordenador do Comitê Gaúcho Impulsor do Movimento Eles Por Elas

A Câmara de Vereadores de Gramado, na Serra gaúcha, fez adesão ao movimento mundial ElesPorElas / HeForShe, da ONU Mulheres. O ato de adesão ocorreu na noite da última segunda-feira (31 / 05), durante a sessão ordinária.

Com a assinatura do termo de compromisso dos vereadores e vereadoras, a Câmara de Gramado é o primeiro Legislativo municipal do país com adesão ao movimento criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) para envolver homens e meninos no esforço global por igualdade de gênero e fim da violência contra as mulheres.

O ato em formato híbrido foi coordenado pelo presidente da Câmara, o professor vereador Daniel (PT), e contou com a participação online do deputado estadual Edegar Pretto (PT), que é coordenador do Comitê Gaúcho Impulsor do Movimento Eles Por Elas. Conforme o presidente, a partir da adesão o Legislativo do município estimula um debate sobre a igualdade de gênero, com espaço para a participação de homens e mulheres. Em seu discurso, o professor Daniel destacou a importância de estimular denúncias, bem como a destinação de recursos para investimentos em políticas públicas voltadas para atender as mulheres. “As mulheres merecem todo nosso respeito. Este documento é muito mais que um protocolo. É uma simbologia importante de sermos a primeira Câmara no país com adesão a este grande movimento ”, afirmou.

O deputado Edegar Pretto lembrou que Gramado é uma cidade referência em turismo no Brasil, e que o município também ocupa um protagonismo inovador ao fazer adesão ao movimento da ONU Mulheres. Pretto parabenizou vereadores e vereadoras pela coragem, responsabilidade e preocupação em desenvolver políticas para engajar homens no combate ao machismo. “Se os homens não assumirem seu papel, pois ficam somente com as mulheres. O Legislativo de Gramado serve de inspiração, e vai encorajar outros parlamentos ”, afirmou.

Compromisso ElesPorElas

Todas e todos que aderem ao movimento mundial da ONU assumindo compromisso com a causa da igualdade de gênero. Desta forma, se propõem adesões articulares individuais de outras pessoas ou instituições; promover atividades de mobilização pelo fim da violência contra as mulheres; divulgação boas práticas de universidades, empresas, sociedade civil e mídia em favor da igualdade de gênero e do empoderamento das mulheres; dar visibilidade às ações de homens e meninos engajados em novas masculinidades; e revelar experiências concretas e novas práticas de igualdade de gênero.

Entre os compromissos da Câmara de Vereadores de Gramado, consta realizar ou incentivar encontros, seminários e eventos ocorridos a ampliar a consciência da importância da participação dos homens para que haja respeito e igualdade de gênero. Além disso, também caberá ao Legislativo estimular a criação de estruturas de fiscalização e proposições de políticas públicas de gênero.