Empresa caxiense Native apresenta novidades em telefonia inteligente

Plataforma Infinity será apresentada hoje em evento online
O Infinity, plataforma de telefonia inteligente viabiliza a comunicação coorporativa de alta qualidade seja por telefone fixo, computador ou celular, em empresas ou home office. O lançamento digital será transmitido ao vivo no canal do Youtube e redes sociais da Native diretamente do espaço de eventos Chateau Lacave, em Caxias do Sul (RS).

A plataforma Infinity resulta de um processo de aperfeiçoamento de serviços prestados pela Native há quatro anos na área de inteligência de comunicação por voz. Além de ofertar integração, customização, personalização e virtualização, o novo produto agrega interface mais interativa, melhor visualização e maior funcionalidade, com ramais ilimitados, serviços de chat e videoconferências.

O diretor comercial da empresa, Sandro Wegner, falou sobre a novidade em entrevista ao programa Temática. Acompanhe na íntegra.

Plataforma Infinity será apresentada hoje em evento online

O Infinity, plataforma de telefonia inteligente viabiliza a comunicação coorporativa de alta qualidade seja por telefone fixo, computador ou celular, em empresas ou home office. O lançamento digital será transmitido ao vivo no canal do Youtube e redes sociais da Native diretamente do espaço de eventos Chateau Lacave, em Caxias do Sul (RS).

A plataforma Infinity resulta de um processo de aperfeiçoamento de serviços prestados pela Native há quatro anos na área de inteligência de comunicação por voz. Além de ofertar integração, customização, personalização e virtualização, o novo produto agrega interface mais interativa, melhor visualização e maior funcionalidade, com ramais ilimitados, serviços de chat e videoconferências.

O diretor comercial da empresa, Sandro Wegner, falou sobre a novidade em entrevista ao programa Temática. Acompanhe na íntegra.

Link para notícia no site Tua Rádio

Feira de Profissões virtual da FSG segue até esta quinta-feira

A tradicional Fepro ganhou site exclusivo para facilitar a interatividade dos participantes
O Centro Universitário da Serra Gaúcha (FSG), instituição que integra a Cruzeiro do Sul Educacional, realiza até hoje, a terceira edição da Fepro – Feira de Profissões. Pela primeira vez no formato on-line, em respeito aos protocolos de saúde, a FeproOn segue com o objetivo de auxiliar os participantes no processo de decisão sobre qual carreira pretendem seguir. As inscrições são gratuitas e já podem ser feitas pelo link https://www.feproon.com.br/.

A coordenadora do curso de Psicologia, Ana Zampieri, falou sobre a iniciativa, o futuro das profissões, demandas do mercado de trabalho e o papel das instituições educacionais nesse cenário de profundas mudanças. Confira na íntegra.

A tradicional Fepro ganhou site exclusivo para facilitar a interatividade dos participantes

O Centro Universitário da Serra Gaúcha (FSG), instituição que integra a Cruzeiro do Sul Educacional, realiza até hoje, a terceira edição da Fepro – Feira de Profissões. Pela primeira vez no formato on-line, em respeito aos protocolos de saúde, a FeproOn segue com o objetivo de auxiliar os participantes no processo de decisão sobre qual carreira pretendem seguir. As inscrições são gratuitas e já podem ser feitas pelo link https://www.feproon.com.br/.

A coordenadora do curso de Psicologia, Ana Zampieri, falou sobre a iniciativa, o futuro das profissões, demandas do mercado de trabalho e o papel das instituições educacionais nesse cenário de profundas mudanças. Confira na íntegra.

Link para notícia no site Tua Rádio

Campanha de Vacinação contra a Poliomielite é prorrogada no Rio Grande do Sul

A meta de vacinação é de 95%
A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite, prevista para encerrar nesta quinta feira, 29/10, foi prorrogada devido a baixa cobertura no estado. Como explica Lisiane Dallagnese, coordenadora da vigilância em saúde de Marau, o Rio Grande do Sul vacinou, até o momento, 50% do público alvo, sendo que a meta mínima de imunizações é de 95%. No município, aponta Lisiane, a média de vacinação apresenta dados mais otimistas, Marau vacinou até a última sexta – feira, 23/10, cerca de 78% da população infantil.

Devem ser vacinados contra a poliomielite, doença causadora da paralisia infantil, crianças na faixa etária entre 0 e 5 anos incompletos. Ao mesmo tempo, está sendo realizada a Campanha de Multivacinação com o objetivo de imunizar crianças e adolescentes de até 15 anos que estão com o sistema de vacinação incompleto. Em ambos os casos os responsáveis pela criança ou adolescente devem ir até a unidade de saúde referente ao seu bairro e solicitar a vacinação. O atendimento é realizado pela parte da manhã até as 11h30 e à tarde das 13h às 17h.

A meta de vacinação é de 95%

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite, prevista para encerrar nesta quinta feira, 29/10, foi prorrogada devido a baixa cobertura no estado. Como explica Lisiane Dallagnese, coordenadora da vigilância em saúde de Marau, o Rio Grande do Sul vacinou, até o momento, 50% do público alvo, sendo que a meta mínima de imunizações é de 95%. No município, aponta Lisiane, a média de vacinação apresenta dados mais otimistas, Marau vacinou até a última sexta – feira, 23/10, cerca de 78% da população infantil.

Devem ser vacinados contra a poliomielite, doença causadora da paralisia infantil, crianças na faixa etária entre 0 e 5 anos incompletos. Ao mesmo tempo, está sendo realizada a Campanha de Multivacinação com o objetivo de imunizar crianças e adolescentes de até 15 anos que estão com o sistema de vacinação incompleto. Em ambos os casos os responsáveis pela criança ou adolescente devem ir até a unidade de saúde referente ao seu bairro e solicitar a vacinação. O atendimento é realizado pela parte da manhã até as 11h30 e à tarde das 13h às 17h.

Link para notícia no site Tua Rádio

Campanha de Vacinação contra a Poliomielite é prorrogada no Rio Grande do Sul

A meta de vacinação é de 95%
A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite, prevista para encerrar nesta quinta feira, 29/10, foi prorrogada devido a baixa cobertura no estado. Como explica Lisiane Dallagnese, coordenadora da vigilância em saúde de Marau, o Rio Grande do Sul vacinou, até o momento, 50% do público alvo, sendo que a meta mínima de imunizações é de 95%. No município, aponta Lisiane, a média de vacinação apresenta dados mais otimistas, Marau vacinou até a última sexta – feira, 23/10, cerca de 78% da população infantil.

Devem ser vacinados contra a poliomielite, doença causadora da paralisia infantil, crianças na faixa etária entre 0 e 5 anos incompletos. Ao mesmo tempo, está sendo realizada a Campanha de Multivacinação com o objetivo de imunizar crianças e adolescentes de até 15 anos que estão com o sistema de vacinação incompleto. Em ambos os casos os responsáveis pela criança ou adolescente devem ir até a unidade de saúde referente ao seu bairro e solicitar a vacinação. O atendimento é realizado pela parte da manhã até as 11h30 e à tarde das 13h às 17h.

A meta de vacinação é de 95%

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite, prevista para encerrar nesta quinta feira, 29/10, foi prorrogada devido a baixa cobertura no estado. Como explica Lisiane Dallagnese, coordenadora da vigilância em saúde de Marau, o Rio Grande do Sul vacinou, até o momento, 50% do público alvo, sendo que a meta mínima de imunizações é de 95%. No município, aponta Lisiane, a média de vacinação apresenta dados mais otimistas, Marau vacinou até a última sexta – feira, 23/10, cerca de 78% da população infantil.

Devem ser vacinados contra a poliomielite, doença causadora da paralisia infantil, crianças na faixa etária entre 0 e 5 anos incompletos. Ao mesmo tempo, está sendo realizada a Campanha de Multivacinação com o objetivo de imunizar crianças e adolescentes de até 15 anos que estão com o sistema de vacinação incompleto. Em ambos os casos os responsáveis pela criança ou adolescente devem ir até a unidade de saúde referente ao seu bairro e solicitar a vacinação. O atendimento é realizado pela parte da manhã até as 11h30 e à tarde das 13h às 17h.

Link para notícia no site Tua Rádio

Caxias do Sul registra mais um óbito ocasionado por complicações da Covid-19

No total, são 171 vítimas da doença
Um idoso, de 86 anos, é a 171ª vítima da Covid-19, em Caxias do Sul. Conforme a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), ele era hipertenso. Ele internou na UTI do Hospital Saúde dia 25 de outubro e faleceu nesta quinta-feira (29).

Dessa forma, Caxias do Sul registra 171 óbitos, sendo 101 masculinos entre 28 e 94 anos e 70 femininos entre 33 e 97 anos.

No total, são 171 vítimas da doença

Um idoso, de 86 anos, é a 171ª vítima da Covid-19, em Caxias do Sul. Conforme a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), ele era hipertenso. Ele internou na UTI do Hospital Saúde dia 25 de outubro e faleceu nesta quinta-feira (29).

Dessa forma, Caxias do Sul registra 171 óbitos, sendo 101 masculinos entre 28 e 94 anos e 70 femininos entre 33 e 97 anos.

Link para notícia no site Tua Rádio

COE chama a atenção para medidas que ainda precisam ser respeitadas

Uso da máscara, higiene pessoal, distanciamento social precisam ser seguidos
Às vésperas de um feriado prolongado, o COE – Comitê de Operações Emergenciais de Marau, reforça a necessidade de os protocolos de saúde serem seguidos por toda a população. Lisiane Dallagnese e Fernanda Garbin, que estão na linha de frente no combate à pandemia no município, mostram preocupação pois o número de casos ativos de Covid-19, subiram nos últimos dias. De acordo com Lisiane, a projeção feita em março, de que Marau poderia chegar a ter 2.208 casos, o que representa 5% da sua população, já foi ultrapassada.

Marau integra a Regional Passo Fundo, classificada há várias semanas com bandeira laranja no modelo de Distanciamento Controlado do Governo do Estado. Com isso, várias permissões aconteceram como a volta às aulas, atividades esportivas e mais recentemente, os eventos sociais, porém, todos com protocolos rígidos, que precisam ser seguidos. Conforme Fernanda, estas permissões são resultado das medidas protetivas e não significam que elas não precisem mais ser respeitadas.

Ainda de acordo com o COE – Covid-19, Marau está com mais de 70 casos ativos neste momento. O município também contabiliza 29 óbitos por Covid-19. A taxa de recuperação está em 95%. O uso da máscara, a higiene pessoal, a etiqueta respiratória e o distanciamento social devem ser observados. As pessoas com síndrome gripal, estando ou não com diagnóstico de covid, devem ficar isoladas.

Se prefeir, ouça o conteúdo no player e áudio. Você também pode ouvir a entrevista na íntegra clicando aqui.

Uso da máscara, higiene pessoal, distanciamento social precisam ser seguidos

Às vésperas de um feriado prolongado, o COE – Comitê de Operações Emergenciais de Marau, reforça a necessidade de os protocolos de saúde serem seguidos por toda a população. Lisiane Dallagnese e Fernanda Garbin, que estão na linha de frente no combate à pandemia no município, mostram preocupação pois o número de casos ativos de Covid-19, subiram nos últimos dias. De acordo com Lisiane, a projeção feita em março, de que Marau poderia chegar a ter 2.208 casos, o que representa 5% da sua população, já foi ultrapassada.

Marau integra a Regional Passo Fundo, classificada há várias semanas com bandeira laranja no modelo de Distanciamento Controlado do Governo do Estado. Com isso, várias permissões aconteceram como a volta às aulas, atividades esportivas e mais recentemente, os eventos sociais, porém, todos com protocolos rígidos, que precisam ser seguidos. Conforme Fernanda, estas permissões são resultado das medidas protetivas e não significam que elas não precisem mais ser respeitadas.

Ainda de acordo com o COE – Covid-19, Marau está com mais de 70 casos ativos neste momento. O município também contabiliza 29 óbitos por Covid-19. A taxa de recuperação está em 95%. O uso da máscara, a higiene pessoal, a etiqueta respiratória e o distanciamento social devem ser observados. As pessoas com síndrome gripal, estando ou não com diagnóstico de covid, devem ficar isoladas.

Se prefeir, ouça o conteúdo no player e áudio. Você também pode ouvir a entrevista na íntegra clicando aqui.

Link para notícia no site Tua Rádio

Codeca fará recolhimento de eletrônicos na Praça Dante Alighieri, nesta quinta

A comunidade de Caxias do Sul terá a oportunidade de fazer o descarte correto de equipamentos eletrônicos, de informática e eletrodomésticos na área central da cidade. Entre 7h e 19h desta quinta-feira, 29, a Companhia de Desenvolvimento de Caxias (Codeca) estará com um Ponto de Entrega Voluntária (PEV), na Praça Dante Alighieri, para receber os equipamentos. A ação é uma das atividades da Prefeitura de Caxias do Sul na 1ª Semana Lixo Zero, um evento criado pelo Instituto Lixo Zero Brasil e coordenado pelo Coletivo Lixo Zero Rio Grande do Sul.

Além do PEV que estará na praça apenas nesta quinta, a Codeca conta com o Ecoponto para o descarte correto de equipamentos de informática, eletrônicos e eletrodomésticos, além de móveis em condições de serem doado a famílias em vulnerabilidade social. O Ecoponto está localizado junto à sede da Codeca e funciona de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h30min. Para receber materiais doados é necessário comparecer no local e fazer um cadastro para verificação da real necessidade.

A comunidade de Caxias do Sul terá a oportunidade de fazer o descarte correto de equipamentos eletrônicos, de informática e eletrodomésticos na área central da cidade. Entre 7h e 19h desta quinta-feira, 29, a Companhia de Desenvolvimento de Caxias (Codeca) estará com um Ponto de Entrega Voluntária (PEV), na Praça Dante Alighieri, para receber os equipamentos. A ação é uma das atividades da Prefeitura de Caxias do Sul na 1ª Semana Lixo Zero, um evento criado pelo Instituto Lixo Zero Brasil e coordenado pelo Coletivo Lixo Zero Rio Grande do Sul.

Além do PEV que estará na praça apenas nesta quinta, a Codeca conta com o Ecoponto para o descarte correto de equipamentos de informática, eletrônicos e eletrodomésticos, além de móveis em condições de serem doado a famílias em vulnerabilidade social. O Ecoponto está localizado junto à sede da Codeca e funciona de segunda à sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h30min. Para receber materiais doados é necessário comparecer no local e fazer um cadastro para verificação da real necessidade.

Link para notícia no site Tua Rádio

Confira a programação das missas de Finados em Caxias do Sul

Nesta segunda-feira, 2, Dia de Finados, milhares de fiéis visitam os cemitérios e rezam por seus entes queridos que já morreram.

Confira os horários:

Cemitério Público Municipal
10h30
Cemitério Parque
09h – 10h – 15h e 17 horas
Paróquia Cristo Operário
Cemitério Santos Anjos da Guarda: 08h | 09h30 | 14h e 16 horas
Paróquia Imaculada Conceição
Cemitérios das comunidades:
São Caetano: 09 horas
Nossa Senhora das Graças: 09 horas
São Marcos – Linha Feijó: 16 horas
Paróquia São Pedro e São Paulo – Terceira Légua
São Pedro e São Paulo: 09h30
Nossa Senhora de Caravaggio: 09 horas
São Luiz: 10 horas
Sagrados Corações: 10 horas
São Paulo: 10h30
Paróquia Nossa Senhora de Caravaggio – Ana Rech
Cemitério Ana Rech: 8h, 10h e 17 horas
Cemitério Novo: 9h e 16 horas
Paróquia Sagrado Coração de Jesus – Cruzeiro
Cemitério da comunidade: 08h30 e 16 horas
São Virgílio: 15h30
Santo Antônio: 17 horas
Paróquia Nossa Senhora de Lourdes
Cemitério da comunidade: 09h e 16 horas

Nesta segunda-feira, 2, Dia de Finados, milhares de fiéis visitam os cemitérios e rezam por seus entes queridos que já morreram.

Confira os horários:

Cemitério Público Municipal
10h30
Cemitério Parque
09h – 10h – 15h e 17 horas
Paróquia Cristo Operário
Cemitério Santos Anjos da Guarda: 08h | 09h30 | 14h e 16 horas
Paróquia Imaculada Conceição
Cemitérios das comunidades:
São Caetano: 09 horas
Nossa Senhora das Graças: 09 horas
São Marcos – Linha Feijó: 16 horas
Paróquia São Pedro e São Paulo – Terceira Légua
São Pedro e São Paulo: 09h30
Nossa Senhora de Caravaggio: 09 horas
São Luiz: 10 horas
Sagrados Corações: 10 horas
São Paulo: 10h30
Paróquia Nossa Senhora de Caravaggio – Ana Rech
Cemitério Ana Rech: 8h, 10h e 17 horas
Cemitério Novo: 9h e 16 horas
Paróquia Sagrado Coração de Jesus – Cruzeiro
Cemitério da comunidade: 08h30 e 16 horas
São Virgílio: 15h30
Santo Antônio: 17 horas
Paróquia Nossa Senhora de Lourdes
Cemitério da comunidade: 09h e 16 horas

Link para notícia no site Tua Rádio

Nos segundos finais, AMF arranca empate contra o Atlântico

Em Marau, jogo válido pela Liga Gaúcha acabou em 2 a 2
Um confronto eletrizante marcou o jogo entre a Associação Marauense de Futsal – AMF e o Atlântico de Erechim. O jogo, válido pela Liga Gaúcha 1, aconteceu na noite desta quarta-feira, 28/10, no Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti, em Marau. Na primeira etapa, o confronto foi ditado pelo equilíbrio: ambas as equipes buscaram o gol, ensaiaram ataques, mas foram ao intervalo com o placar zerado. Já no segundo tempo, o time visitante buscou a frente e, aos oito minutos, abriu o placar com gol de Fernandinho. O Atlântico seguiu no ataque e, quatro minutos depois, ampliou com Guto.

Porém, a AMF buscou a reação e igualou o jogo. Com goleiro linha, faltando três minutos, Esquerda descontou para os donos da casa. Com isso, a pressão tomou conta da partida e a equipe marauense seguiu na busca pelo empate. E a igualdade veio: a apenas oito segundos do apito final, Pato colocou a bola no fundo das redes e decretou o 2 a 2. Com o resultado, a AMF soma mais um ponto e chega a oito na competição. Já classificada, a equipe é quarta colocada e, na última rodada, enfrenta o Lagoa Futsal. O jogo acontece fora de casa, na próxima quinta-feira (05) e define os confrontos nos play-offs.

FICHA DO JOGO

AMF 2×2 Atlântico [Liga Gaúcha 1] (28/10 – Ginásio Jatyr Francisco Foresti – Marau/RS)

AMF: Vagner, Poffo, Rômulo, Esquerda e Pato. No banco: Bruno, Tatim, Lucas, Zé Victor, Jefe, Melão, Emerson, Biskui e Kassio. Técnico: Nuno

Atlântico: Léo, Érick, Guto, Muriel e Everaldo. No banco: Tiago, Leonardo, Tales, Fernandinho, Lucas, Henry, João Victor e Ricardo. Técnico: Evandro Paulo da Silva

Arbitragem: Carlos Eduardo Lima da Silva (árbitro principal), Marcel Chagas da Silva (árbitro auxiliar), Thiago Zavarise da Paixão (anotador), Fernando Specht (cronometrista) e Carlos Cesar Quaresma da Silva (representante de quadra).

Gols: AMF –Esquerda e Pato. Atlântico – Fernandinho e Guto.

Fonte: Assessoria de Comunicação AMF

Em Marau, jogo válido pela Liga Gaúcha acabou em 2 a 2

Um confronto eletrizante marcou o jogo entre a Associação Marauense de Futsal – AMF e o Atlântico de Erechim. O jogo, válido pela Liga Gaúcha 1, aconteceu na noite desta quarta-feira, 28/10, no Ginásio Municipal Jatyr Francisco Foresti, em Marau. Na primeira etapa, o confronto foi ditado pelo equilíbrio: ambas as equipes buscaram o gol, ensaiaram ataques, mas foram ao intervalo com o placar zerado. Já no segundo tempo, o time visitante buscou a frente e, aos oito minutos, abriu o placar com gol de Fernandinho. O Atlântico seguiu no ataque e, quatro minutos depois, ampliou com Guto.

Porém, a AMF buscou a reação e igualou o jogo. Com goleiro linha, faltando três minutos, Esquerda descontou para os donos da casa. Com isso, a pressão tomou conta da partida e a equipe marauense seguiu na busca pelo empate. E a igualdade veio: a apenas oito segundos do apito final, Pato colocou a bola no fundo das redes e decretou o 2 a 2. Com o resultado, a AMF soma mais um ponto e chega a oito na competição. Já classificada, a equipe é quarta colocada e, na última rodada, enfrenta o Lagoa Futsal. O jogo acontece fora de casa, na próxima quinta-feira (05) e define os confrontos nos play-offs.

FICHA DO JOGO

AMF 2×2 Atlântico [Liga Gaúcha 1] (28/10 – Ginásio Jatyr Francisco Foresti – Marau/RS)

AMF: Vagner, Poffo, Rômulo, Esquerda e Pato. No banco: Bruno, Tatim, Lucas, Zé Victor, Jefe, Melão, Emerson, Biskui e Kassio. Técnico: Nuno

Atlântico: Léo, Érick, Guto, Muriel e Everaldo. No banco: Tiago, Leonardo, Tales, Fernandinho, Lucas, Henry, João Victor e Ricardo. Técnico: Evandro Paulo da Silva

Arbitragem: Carlos Eduardo Lima da Silva (árbitro principal), Marcel Chagas da Silva (árbitro auxiliar), Thiago Zavarise da Paixão (anotador), Fernando Specht (cronometrista) e Carlos Cesar Quaresma da Silva (representante de quadra).

Gols: AMF –Esquerda e Pato. Atlântico – Fernandinho e Guto.

Fonte: Assessoria de Comunicação AMF

Link para notícia no site Tua Rádio

Estado reforça alinhamento entre órgãos para segurança nas eleições 2020

Para garantir a segurança nas eleições municipais 2020, as instituições responsáveis pela fiscalização do bom andamento do pleito realizaram nesta quarta-feira (28/10) reunião de alinhamento das ações no Rio Grande do Sul.

Realizado por videoconferência, o encontro foi proposto pelo vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, e teve presença de autoridades da Justiça Eleitoral, dos Ministérios Públicos Estadual e Federal e da Polícia Federal.

Pelo Executivo estadual, também participaram as chefias de todas as vinculadas da SSP: Brigada Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Instituto-Geral de Perícias e Departamento Estadual de Trânsito.

No encontro, além de afinar os procedimentos integrados para atuação até a data do primeiro turno, em 15 de novembro, as instituições assinaram nota conjunta sobre os encaminhamentos.

Nota conjunta sobre segurança nas Eleições 2020

Com a proximidade das Eleições Municipais de 2020, autoridades das esferas estadual e federal reforçam o compromisso na manutenção da segurança e da garantia de tranquilidade para a participação da sociedade no processo democrático de escolha dos prefeitos e vereadores em todo o Rio Grande do Sul.

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (28/10), por videoconferência, autoridades da Secretaria da Segurança Pública e suas instituições vinculadas, do Tribunal Regional Eleitoral, do Ministério Público Estadual, do Ministério Público Federal e da Polícia Federal consolidaram o alinhamento para atuação integrada nesses últimos dias de campanha eleitoral e, em especial, na data das votações. O objetivo é neutralizar e coibir quaisquer condutas que possam trazer prejuízo ao bom andamento do pleito ou transverter a salutar disputa nas urnas em atos de violência.

Cada instituição, dentro das suas atribuições, tem conduzido os procedimentos para identificar, investigar e buscar a responsabilização eleitoral e penal por eventuais crimes que atentem contra a lisura das eleições e o pleno direito de participação, que é pilar do regime democrático. Os setores de inteligência têm mantido permanente monitoramento de ocorrências que, embora não necessariamente vinculados à disputa eleitoral, tenham o envolvimento de candidatos, e as providências legais, de cunho investigatório e jurisdicional, já estão em andamento.

Esse conjunto de esforços integrados dará a celeridade necessária para a atuação enérgica do poder público na prevenção e no combate ao menor indício de perturbação do processo democrático em todos os municípios do Estado. O Rio Grande do Sul conserva em sua história processos eleitorais que transcorrem com absoluta tranquilidade, e as instituições estão vigilantes para manter essa tradição.

Para garantir a segurança nas eleições municipais 2020, as instituições responsáveis pela fiscalização do bom andamento do pleito realizaram nesta quarta-feira (28/10) reunião de alinhamento das ações no Rio Grande do Sul.

Realizado por videoconferência, o encontro foi proposto pelo vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior, e teve presença de autoridades da Justiça Eleitoral, dos Ministérios Públicos Estadual e Federal e da Polícia Federal.

Pelo Executivo estadual, também participaram as chefias de todas as vinculadas da SSP: Brigada Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Instituto-Geral de Perícias e Departamento Estadual de Trânsito.

No encontro, além de afinar os procedimentos integrados para atuação até a data do primeiro turno, em 15 de novembro, as instituições assinaram nota conjunta sobre os encaminhamentos.

Nota conjunta sobre segurança nas Eleições 2020

Com a proximidade das Eleições Municipais de 2020, autoridades das esferas estadual e federal reforçam o compromisso na manutenção da segurança e da garantia de tranquilidade para a participação da sociedade no processo democrático de escolha dos prefeitos e vereadores em todo o Rio Grande do Sul.

Em reunião realizada na manhã desta quarta-feira (28/10), por videoconferência, autoridades da Secretaria da Segurança Pública e suas instituições vinculadas, do Tribunal Regional Eleitoral, do Ministério Público Estadual, do Ministério Público Federal e da Polícia Federal consolidaram o alinhamento para atuação integrada nesses últimos dias de campanha eleitoral e, em especial, na data das votações. O objetivo é neutralizar e coibir quaisquer condutas que possam trazer prejuízo ao bom andamento do pleito ou transverter a salutar disputa nas urnas em atos de violência.

Cada instituição, dentro das suas atribuições, tem conduzido os procedimentos para identificar, investigar e buscar a responsabilização eleitoral e penal por eventuais crimes que atentem contra a lisura das eleições e o pleno direito de participação, que é pilar do regime democrático. Os setores de inteligência têm mantido permanente monitoramento de ocorrências que, embora não necessariamente vinculados à disputa eleitoral, tenham o envolvimento de candidatos, e as providências legais, de cunho investigatório e jurisdicional, já estão em andamento.

Esse conjunto de esforços integrados dará a celeridade necessária para a atuação enérgica do poder público na prevenção e no combate ao menor indício de perturbação do processo democrático em todos os municípios do Estado. O Rio Grande do Sul conserva em sua história processos eleitorais que transcorrem com absoluta tranquilidade, e as instituições estão vigilantes para manter essa tradição.

Link para notícia no site Tua Rádio

Casos da Covid-19, em Caxias do Sul, sobem para 10,4 mil

Foram mais 94 diagnósticos em um dia
A Secretaria Municipal da Saúde de Caxias do Sul divulgou o último boletim epidemiológico nesta segunda-feira (26) informando que o município chegou a 10.468 casos confirmados da Covid-19.

O documento também aponta que 821 pessoas estão com o vírus ativo enquanto 9.477 estão recuperadas. Dos pacientes em tratamento, 775 estão em isolamento domiciliar, 23 em enfermaria e 23 em UTI.

Também há 100 pessoas aguardando resultado e 61.414 testaram negativo para Covid-19. Até o momento, o município registrou 170 mortes ocasionadas por complicações da doença.

Dos 10.468 casos confirmados, 4.913 são homens e 5.555 mulheres. Do total, 1.130 são profissionais da saúde e 62 da segurança.

Na rede pública de saúde do município a ocupação de leitos de UTI está em 62%, com 45 vagas utilizadas. Já na rede particular, 66 leitos de UTI estão em utilização, o que corresponde a 78% da capacidade total.

Para mais informações, acesse https://covid.caxias.rs.gov.br

Foram mais 94 diagnósticos em um dia

A Secretaria Municipal da Saúde de Caxias do Sul divulgou o último boletim epidemiológico nesta segunda-feira (26) informando que o município chegou a 10.468 casos confirmados da Covid-19.

O documento também aponta que 821 pessoas estão com o vírus ativo enquanto 9.477 estão recuperadas. Dos pacientes em tratamento, 775 estão em isolamento domiciliar, 23 em enfermaria e 23 em UTI.

Também há 100 pessoas aguardando resultado e 61.414 testaram negativo para Covid-19. Até o momento, o município registrou 170 mortes ocasionadas por complicações da doença.

Dos 10.468 casos confirmados, 4.913 são homens e 5.555 mulheres. Do total, 1.130 são profissionais da saúde e 62 da segurança.

Na rede pública de saúde do município a ocupação de leitos de UTI está em 62%, com 45 vagas utilizadas. Já na rede particular, 66 leitos de UTI estão em utilização, o que corresponde a 78% da capacidade total.

Para mais informações, acesse https://covid.caxias.rs.gov.br

Link para notícia no site Tua Rádio

Setor da construção civil tem mercado aquecido e deve encerrar 2020 com crescimento

Preço das novas construções deverá aumentar devido à alta dos valores das matérias-primas
Na contramão de outros setores da economia, a Construção Civil voltou a se recuperar em meio à pandemia e deve encerrar 2020 com saldos positivos. O relatório “Sondagem Indústria da Construção” feito pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgado nesta quarta-feira (28), mostrou a retomada da indústria de construção civil em setembro, com melhora no índice de evolução do número de empregados. Com a quarta alta consecutiva, o indicador apontou 50,1 pontos. É o maior índice desde abril de 2012, quando alcançou 51 pontos.

Em Caxias do Sul, o mercado imobiliário também está aquecido, tanto na área residencial quanto industrial. Conforme o presidente do Sinduscon Caxias, Rodrigo Postiglione, alguns imóveis do estoque ainda estão com valores que não foram reajustados. “O momento de investir no setor imobiliário é imediato. Estamos ainda trabalhando com valores que não foram reajustados, então temos no mercado alguns imóveis que estão com preço de estoque. E nós temos um ciclo que mostra que a valorização do imóvel, mesmo comparado às aplicações financeiras, as subidas e descidas ele se manteve com um percentual atrativo pras pessoas e para os investidores. Então esses dados que a CNI coloca são reflexos nossos. E temos projeções da Caixa Econômica Federal, que é uma das instituições financiadoras, que nós estamos já passando em torno de 40% os valores financiados em relação a 2019”.

Ele também frisou que o aumento do valor das matérias-primas como aço, cobre, plástico, entre outros, vai impactar no preço das novas construções. “É uma necessidade tão grande de materiais que as grandes empresas têm certa dificuldades de fornecer, mas acreditamos que em meio ano deve voltar a um patamar convencional. O que acontece é que esses aumentos a gente sabe que, muitas vezes, não voltam aos valores anteriores. Então significa que, ainda, os estoques têm preço antigo. As próximas obras terão reajuste”. Ouça a entrevista completa AQUI

Preço das novas construções deverá aumentar devido à alta dos valores das matérias-primas

Na contramão de outros setores da economia, a Construção Civil voltou a se recuperar em meio à pandemia e deve encerrar 2020 com saldos positivos. O relatório “Sondagem Indústria da Construção" feito pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), divulgado nesta quarta-feira (28), mostrou a retomada da indústria de construção civil em setembro, com melhora no índice de evolução do número de empregados. Com a quarta alta consecutiva, o indicador apontou 50,1 pontos. É o maior índice desde abril de 2012, quando alcançou 51 pontos.

Em Caxias do Sul, o mercado imobiliário também está aquecido, tanto na área residencial quanto industrial. Conforme o presidente do Sinduscon Caxias, Rodrigo Postiglione, alguns imóveis do estoque ainda estão com valores que não foram reajustados. “O momento de investir no setor imobiliário é imediato. Estamos ainda trabalhando com valores que não foram reajustados, então temos no mercado alguns imóveis que estão com preço de estoque. E nós temos um ciclo que mostra que a valorização do imóvel, mesmo comparado às aplicações financeiras, as subidas e descidas ele se manteve com um percentual atrativo pras pessoas e para os investidores. Então esses dados que a CNI coloca são reflexos nossos. E temos projeções da Caixa Econômica Federal, que é uma das instituições financiadoras, que nós estamos já passando em torno de 40% os valores financiados em relação a 2019”.

Ele também frisou que o aumento do valor das matérias-primas como aço, cobre, plástico, entre outros, vai impactar no preço das novas construções. “É uma necessidade tão grande de materiais que as grandes empresas têm certa dificuldades de fornecer, mas acreditamos que em meio ano deve voltar a um patamar convencional. O que acontece é que esses aumentos a gente sabe que, muitas vezes, não voltam aos valores anteriores. Então significa que, ainda, os estoques têm preço antigo. As próximas obras terão reajuste”. Ouça a entrevista completa AQUI

Link para notícia no site Tua Rádio

Super Andreazza Pio X inaugura nesta quinta-feira

Trigésima primeira loja da Rede, o Super Andreazza Pio X abre as portas na quinta-feira, 29 de outubro, a partir das 8h30.
O novo Super Andreazza Pio X, localizado na Rua Moreira César, 1794, tem área total de 4,8 mil m², sendo 2,1 mil m² de loja, e espaço anexo para receber, já nos próximos meses, três lojas de conveniência que prometem facilitar o cotidiano dos clientes. A nova operação do Grupo Andreazza incrementa cerca de 80 empregos diretos e outros 40 indiretos.
A operação no bairro Pio X incorpora o novo conceito arquitetônico da Rede, inaugurado no fim de agosto pela loja Passeio Norte, na BR-116. São 14 checkouts, climatização, Wi-Fi grátis, estacionamento para 80 vagas, fácil acesso e atendimento estendido (de segunda a domingo). Quanto ao mix de produtos, a nova loja expande as opções ao consumidor e traz consigo uma adega diversificada. No açougue, os clientes terão à disposição carnes nobres e exóticas. A padaria segue o padrão da Rede com a produção realizada no próprio local, além de pães artesanais com fermentação natural.
O Grupo Andreazza soma agora 37 lojas, sendo 30 em Caxias (seis da Rede Vantajão), duas em Flores e uma unidade em Farroupilha, Bento Gonçalves, Carlos Barbosa, Vale Real e também em Arroio do Sal. O Grupo Andreazza consolida-se assim como uma das grandes forças varejistas do Rio Grande do Sul e um dos três maiores empregadores da Serra Gaúcha, com mais de 3 mil funcionários.
“Ficamos muito felizes com a recepção da comunidade ao novo conceito que implementamos na loja Passeio Norte, agora presente também no Pio X”, comenta Jaime Andreazza, diretor do Grupo. “Fazia tempo que pensávamos em uma loja nessa região, que liga diversos bairros, além de ser um ponto de passagem importante para o Centro da cidade”, destaca o diretor em tom otimista.
O Super Andreazza Pio X atende de segunda a sábado, das 8h30 às 20h, e domingo, das 8h30 às 19h.

Trigésima primeira loja da Rede, o Super Andreazza Pio X abre as portas na quinta-feira, 29 de outubro, a partir das 8h30.

O novo Super Andreazza Pio X, localizado na Rua Moreira César, 1794, tem área total de 4,8 mil m², sendo 2,1 mil m² de loja, e espaço anexo para receber, já nos próximos meses, três lojas de conveniência que prometem facilitar o cotidiano dos clientes. A nova operação do Grupo Andreazza incrementa cerca de 80 empregos diretos e outros 40 indiretos.
A operação no bairro Pio X incorpora o novo conceito arquitetônico da Rede, inaugurado no fim de agosto pela loja Passeio Norte, na BR-116. São 14 checkouts, climatização, Wi-Fi grátis, estacionamento para 80 vagas, fácil acesso e atendimento estendido (de segunda a domingo). Quanto ao mix de produtos, a nova loja expande as opções ao consumidor e traz consigo uma adega diversificada. No açougue, os clientes terão à disposição carnes nobres e exóticas. A padaria segue o padrão da Rede com a produção realizada no próprio local, além de pães artesanais com fermentação natural.
O Grupo Andreazza soma agora 37 lojas, sendo 30 em Caxias (seis da Rede Vantajão), duas em Flores e uma unidade em Farroupilha, Bento Gonçalves, Carlos Barbosa, Vale Real e também em Arroio do Sal. O Grupo Andreazza consolida-se assim como uma das grandes forças varejistas do Rio Grande do Sul e um dos três maiores empregadores da Serra Gaúcha, com mais de 3 mil funcionários.
“Ficamos muito felizes com a recepção da comunidade ao novo conceito que implementamos na loja Passeio Norte, agora presente também no Pio X”, comenta Jaime Andreazza, diretor do Grupo. “Fazia tempo que pensávamos em uma loja nessa região, que liga diversos bairros, além de ser um ponto de passagem importante para o Centro da cidade”, destaca o diretor em tom otimista.
O Super Andreazza Pio X atende de segunda a sábado, das 8h30 às 20h, e domingo, das 8h30 às 19h.

Link para notícia no site Tua Rádio

Estiagem aumenta preço de erva-mate no Estado

Diminuição da matéria-prima ocorreu na região sul e no Mato Grosso do Sul.
Pelo fato do Rio Grande do Sul consumir a maior parte da produção nacional de erva-mate, o Estado precisa comprar de outros locais para atender a demanda. Entretanto, a estiagem recente atingiu a região sul e o Mato Grosso do Sul. Com isso, reduziu a produção de matéria-prima.

Este fato resultou no aumento do preço da erva-mate no Rio Grande do Sul. Além disso, por causa da pandemia, ganhou força o hábito de consumidor o chimarrão individualmente, com isso houve um incremento no consumo.

O extensionista da Emater e coordenador técnico do Programa Gaúcho para a Qualidade e Valorização da Erva-Mate, Ilvandro Barreto de Melo, fez uma análise do panorama da produção. Para os apaixonados pelo chimarrão, ele tranquiliza ao avaliar que não deverá ocorrer desabastecimento.

(Ouça a entrevista na íntegra abaixo do título)

Diminuição da matéria-prima ocorreu na região sul e no Mato Grosso do Sul.

Pelo fato do Rio Grande do Sul consumir a maior parte da produção nacional de erva-mate, o Estado precisa comprar de outros locais para atender a demanda. Entretanto, a estiagem recente atingiu a região sul e o Mato Grosso do Sul. Com isso, reduziu a produção de matéria-prima.

Este fato resultou no aumento do preço da erva-mate no Rio Grande do Sul. Além disso, por causa da pandemia, ganhou força o hábito de consumidor o chimarrão individualmente, com isso houve um incremento no consumo.

O extensionista da Emater e coordenador técnico do Programa Gaúcho para a Qualidade e Valorização da Erva-Mate, Ilvandro Barreto de Melo, fez uma análise do panorama da produção. Para os apaixonados pelo chimarrão, ele tranquiliza ao avaliar que não deverá ocorrer desabastecimento.

(Ouça a entrevista na íntegra abaixo do título)

Link para notícia no site Tua Rádio

Eleições 2020: confira a entrevista com o candidato a prefeito Pepe Vargas

Concorrente da coligação Caxias Pra Frente foi o oitavo entrevistado da série De Frente com o Candidato
A Tua Rádio São Francisco dá continuidade a série de entrevistas com os candidatos a prefeito de Caxias do Sul. De segunda a sexta, das 11h às 12h, os candidatos serão entrevistados por jornalistas da Central de Conteúdos. Conforme o critério adotado (ordem alfabética), o candidato a participar nesta quarta-feira (28) foi Pepe Vargas, da coligação Caxias Pra Frente (PT, PCdoB e PSOL).

Confira a entrevista completa no áudio acima.

Eleições 2020 – De frente com o Candidato:

19/10 – Adiló Didomênico
20/10 – Antonio Feldmann
21/10 – Carlos Burigo
22/10 – Edson Nespolo
23/10 – Julio Freitas
26/10 – Marcelo Slaviero
27/10 – Nelson D’Arrigo
28/10 – Pepe Vargas
29/10 – Renato Nunes
30/10 – Renato Toigo
03/11 – Vinícius Ribeiro

Concorrente da coligação Caxias Pra Frente foi o oitavo entrevistado da série De Frente com o Candidato

A Tua Rádio São Francisco dá continuidade a série de entrevistas com os candidatos a prefeito de Caxias do Sul. De segunda a sexta, das 11h às 12h, os candidatos serão entrevistados por jornalistas da Central de Conteúdos. Conforme o critério adotado (ordem alfabética), o candidato a participar nesta quarta-feira (28) foi Pepe Vargas, da coligação Caxias Pra Frente (PT, PCdoB e PSOL).

Confira a entrevista completa no áudio acima.

Eleições 2020 – De frente com o Candidato:

19/10 – Adiló Didomênico
20/10 – Antonio Feldmann
21/10 – Carlos Burigo
22/10 – Edson Nespolo
23/10 – Julio Freitas
26/10 – Marcelo Slaviero
27/10 – Nelson D’Arrigo
28/10 – Pepe Vargas
29/10 – Renato Nunes
30/10 – Renato Toigo
03/11 – Vinícius Ribeiro

Link para notícia no site Tua Rádio

Tosas e banhos frequentes podem aumentar a qualidade de vida dos pets no verão

O programa Temática, da manhã desta quarta-feira (28), recebeu o médico veterinário Sérgio Domingues, que atua em Lagoa Vermelha, para falar sobre os cuidados com os pets nos dias quentes.

De acordo com ele, os donos precisam manter os animais hidratados, e evitar caminhadas no asfalto nos horários em que o sol é mais intenso. Além da elevação da temperatura do corpo dos animais, é possível que ocorra o aparecimento de câncer, em função da insolação em áreas que ficam mais expostas; Ainda, as patinhas podem sofrer queimaduras, quando as caminhadas não são realizadas sobre a grama.

O cuidado deve ser redobrado com cães de cara chata, que geralmente apresentam dificuldades para respirar. O veterinário recomenda que se aumente a frequência de banhos e tosas dos pets.

Visitas ao veterinário e monitoramento da condição de saúde dos cães e gatos por parte dos proprietários, podem ajudar a detectar doenças. Com o verão, aumenta também o aparecimento de carrapatos, pulgas e outros parasitas. Confira outras dicas ouvindo a entrevista.

O programa Temática, da manhã desta quarta-feira (28), recebeu o médico veterinário Sérgio Domingues, que atua em Lagoa Vermelha, para falar sobre os cuidados com os pets nos dias quentes.

De acordo com ele, os donos precisam manter os animais hidratados, e evitar caminhadas no asfalto nos horários em que o sol é mais intenso. Além da elevação da temperatura do corpo dos animais, é possível que ocorra o aparecimento de câncer, em função da insolação em áreas que ficam mais expostas; Ainda, as patinhas podem sofrer queimaduras, quando as caminhadas não são realizadas sobre a grama.

O cuidado deve ser redobrado com cães de cara chata, que geralmente apresentam dificuldades para respirar. O veterinário recomenda que se aumente a frequência de banhos e tosas dos pets.

Visitas ao veterinário e monitoramento da condição de saúde dos cães e gatos por parte dos proprietários, podem ajudar a detectar doenças. Com o verão, aumenta também o aparecimento de carrapatos, pulgas e outros parasitas. Confira outras dicas ouvindo a entrevista.

Link para notícia no site Tua Rádio

Cartório Eleitoral inicia procedimento de carga e lacração das urnas eletrônicas em Caxias

As 875 urnas de votação começaram a ser preparadas para o pleito de 15 de novembro
O Cartório Eleitoral de Caxias do Sul deu início, na manhã desta quarta-feira (28/10), aos procedimentos de carga e lacração das urnas eletrônicas que serão usadas nas seções eleitorais da cidade durante o 1º turno das Eleições 2020. O trabalho foi acompanhado por juízes eleitorais, representantes de partidos e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

As 875 urnas de votação são preparadas e lacradas, utilizando-se o cartão de memória de carga e inserindo-se o cartão de memória de votação e a mídia para a gravação de arquivos. Também foi realizado o teste de funcionamento das urnas e identificadas as embalagens com a zona eleitoral, o município e a seção a que se destinam.

Conforme o chefe de Cartório da 16ª Zona Eleitoral de Caxias do Sul, Marcelo Reginatto, o procedimento poderá ser concluído até o final da próxima semana, tendo em vista que a data limite estipulada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é 9 de novembro. A partir de então, as urnas serão armazenadas no Cartório, onde permanecem até a véspera do 1º turno do pleito, 14 de novembro, quando serão distribuídas para as seções. Reginatto também reforçou a importância para que o eleitor realize o download do aplicativo E-título, que facilitará o processo de votação e uma possível justificativa de não comparecimento.

Ouça AQUI a entrevista completa.

As 875 urnas de votação começaram a ser preparadas para o pleito de 15 de novembro

O Cartório Eleitoral de Caxias do Sul deu início, na manhã desta quarta-feira (28/10), aos procedimentos de carga e lacração das urnas eletrônicas que serão usadas nas seções eleitorais da cidade durante o 1º turno das Eleições 2020. O trabalho foi acompanhado por juízes eleitorais, representantes de partidos e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

As 875 urnas de votação são preparadas e lacradas, utilizando-se o cartão de memória de carga e inserindo-se o cartão de memória de votação e a mídia para a gravação de arquivos. Também foi realizado o teste de funcionamento das urnas e identificadas as embalagens com a zona eleitoral, o município e a seção a que se destinam.

Conforme o chefe de Cartório da 16ª Zona Eleitoral de Caxias do Sul, Marcelo Reginatto, o procedimento poderá ser concluído até o final da próxima semana, tendo em vista que a data limite estipulada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é 9 de novembro. A partir de então, as urnas serão armazenadas no Cartório, onde permanecem até a véspera do 1º turno do pleito, 14 de novembro, quando serão distribuídas para as seções. Reginatto também reforçou a importância para que o eleitor realize o download do aplicativo E-título, que facilitará o processo de votação e uma possível justificativa de não comparecimento.

Ouça AQUI a entrevista completa.

Link para notícia no site Tua Rádio

Trigo para a alimentação animal é o tema do 1º Dia de Cocho Digital

Se preferir, ouça este conteúdo no player de áudio da matéria
As estratégias de manejo na produção de silagem e pastagem de trigo e os novos cenários para a pecuária de leite e de corte visando a produção de alimento durante o inverno, são os temas do 1º Dia de Cocho Digital Biotrigo. O evento acontece nesta quinta-feira, 29/10, a partir das 19h, com transmissão ao vivo pelos canais digitais da empresa. As inscrições são abertas ao público com acesso gratuito.

O engenheiro agrônomo Tiago de Pauli, gerente de nutrição animal da Biotrigo Genética, explica que o evento tem como objetivo mostrar como a pastagem de trigo contribui para aumentar a produtividade do leite e gerar mais lucro na propriedade. Segundo ele, o trigo para pastejo chega a alcançar 100 quilos de matéria seca por hectare por dia e o resultado à pasto aumenta a produção de leite em um a três litros por dia. Já o trigo para silagem tem como benefício, reduzir o custo da dieta volumosa principalmente em relação a outros alimentos volumosos conservados, proporcionando uma alimentação mais nutritiva e equilibrada para os animais.

A rodada de resultados em pecuária com trigo forrageiro vai apresentar exemplos de produtores que são referência nas suas regiões, com a experiência de produção de trigo. “Vamos mostrar no Dia de Cocho o que a pesquisa está desenvolvendo para ampliar ainda mais o leque de opções para o pecuarista”, comenta o profissional. Para mais informações sobre a programação e para fazer a inscrição antecipada e gratuita basta acessar o site da Biotrigo e depois, no dia do evento, às 19h, conectar-se ao link da transmissão que será enviado por email aos inscritos.

Se preferir, ouça este conteúdo no player de áudio da matéria

As estratégias de manejo na produção de silagem e pastagem de trigo e os novos cenários para a pecuária de leite e de corte visando a produção de alimento durante o inverno, são os temas do 1º Dia de Cocho Digital Biotrigo. O evento acontece nesta quinta-feira, 29/10, a partir das 19h, com transmissão ao vivo pelos canais digitais da empresa. As inscrições são abertas ao público com acesso gratuito.

O engenheiro agrônomo Tiago de Pauli, gerente de nutrição animal da Biotrigo Genética, explica que o evento tem como objetivo mostrar como a pastagem de trigo contribui para aumentar a produtividade do leite e gerar mais lucro na propriedade. Segundo ele, o trigo para pastejo chega a alcançar 100 quilos de matéria seca por hectare por dia e o resultado à pasto aumenta a produção de leite em um a três litros por dia. Já o trigo para silagem tem como benefício, reduzir o custo da dieta volumosa principalmente em relação a outros alimentos volumosos conservados, proporcionando uma alimentação mais nutritiva e equilibrada para os animais.

A rodada de resultados em pecuária com trigo forrageiro vai apresentar exemplos de produtores que são referência nas suas regiões, com a experiência de produção de trigo. "Vamos mostrar no Dia de Cocho o que a pesquisa está desenvolvendo para ampliar ainda mais o leque de opções para o pecuarista”, comenta o profissional. Para mais informações sobre a programação e para fazer a inscrição antecipada e gratuita basta acessar o site da Biotrigo e depois, no dia do evento, às 19h, conectar-se ao link da transmissão que será enviado por email aos inscritos.

Link para notícia no site Tua Rádio

Eleições 2020: documentação, medidas de prevenção e biometria

Este conteúdo esta disponível, também, no áudio da matéria
Estamos há menos de um mês das Eleições Municipais e em um ano atípico como o de 2020 muitas dúvidas podem surgir. Para esclarecer alguns pontos e relembrar o eleitor do que deve ou não ser feito no dia da eleição, conversamos com Rafael Copetti, Chefe do Cartório da 62ª Zona Eleitoral. De acordo com Rafael, segue a obrigatoriedade da apresentação de um documento com foto para a hora da eleição, porém, este documento, assim como o título de eleitor, pode ser substituído pelo e-título.

A documentação online, explica Rafael, já possui identificação através de foto para aqueles eleitores que realizaram o processo de cadastramento biométrico. Dessa forma, o e- título pode substituir a documentação exigida na hora da votação, inclusive para os eleitores que ainda precisam tirar a segunda via do título de eleitor. Vale ressaltar que o aparelho que contém o e-título não precisa estar conectado a internet no momento da apresentação do documento. Já para a realização de processos, como a realização de certidão de quitação eleitoral e justificativa de ausência no dia da eleição, o aplicativo exige conexão com uma rede de internet.

Medidas de prevenção

Algumas regras extras devem ser seguidas nas eleições do ano de 2020 a fim de assegurar a saúde da população. Devido a pandemia da Covid – 19, algumas alterações vêm sendo realizadas durante todo o processo eleitoral e no dia da votação não será diferente. De acordo com Rafael, todos os eleitores devem ir até o seu local de votação utilizando máscara retirando somente se solicitado pelos mesários na hora da identificação, e nesse caso, após o manuseio da máscara o eleitor deve higienizar as mãos utilizando álcool em gel, que estará a disposição dos eleitores e mesários durante todo o processo.

Sobre portar a própria caneta no dia da eleição, Rafael explica que se trata de uma sugestão e não de uma obrigatoriedade, ou seja, nenhum eleitor será impedido de votar caso não o faça. O pedido é feito para evitar o contato de muitas pessoas à uma mesma caneta na hora de assinar o caderno de votação. Rafael ainda destaca que entre as medidas do protocolo sanitário está prevista a disposição de um número significativo de canetas que devem ser higienizadas e alternadas pelos mesários.

Não utilização da identificação por biometria

A não utilização da identificação biométrica nas eleições de 2020 se dá devido aos protocolos de prevenção ao coronavírus. Rafael explica que, como o processo exige o contato direto da mão do eleitor com o leitor biométrico, a realização aumentaria o risco de contágio. Da mesma forma, não seria viável higienizar o leitor ou a mão de cada eleitor durante o processo, isso porque, há o risco de danificar o aparelho pelo uso do álcool.

Com essa mudança, aqueles eleitores que não realizaram o cadastramento biométrico e tiveram o seu título de eleitor cancelado poderão votar normalmente. Essa decisão, explica Rafael, partiu do entendimento de que algumas pessoas acabaram sendo prejudicadas pela suspensão dos atendimentos presenciais no Cartório Eleitoral e reforça que essa é uma ação temporária, ou seja, assim que encerrar o período eleitoral os documentos que não receberam cadastramento biométrico voltarão a ser desativados.

Este conteúdo está disponível, também, no aúdio da matéria.

Este conteúdo esta disponível, também, no áudio da matéria

Estamos há menos de um mês das Eleições Municipais e em um ano atípico como o de 2020 muitas dúvidas podem surgir. Para esclarecer alguns pontos e relembrar o eleitor do que deve ou não ser feito no dia da eleição, conversamos com Rafael Copetti, Chefe do Cartório da 62ª Zona Eleitoral. De acordo com Rafael, segue a obrigatoriedade da apresentação de um documento com foto para a hora da eleição, porém, este documento, assim como o título de eleitor, pode ser substituído pelo e-título.

A documentação online, explica Rafael, já possui identificação através de foto para aqueles eleitores que realizaram o processo de cadastramento biométrico. Dessa forma, o e- título pode substituir a documentação exigida na hora da votação, inclusive para os eleitores que ainda precisam tirar a segunda via do título de eleitor. Vale ressaltar que o aparelho que contém o e-título não precisa estar conectado a internet no momento da apresentação do documento. Já para a realização de processos, como a realização de certidão de quitação eleitoral e justificativa de ausência no dia da eleição, o aplicativo exige conexão com uma rede de internet.

Medidas de prevenção

Algumas regras extras devem ser seguidas nas eleições do ano de 2020 a fim de assegurar a saúde da população. Devido a pandemia da Covid – 19, algumas alterações vêm sendo realizadas durante todo o processo eleitoral e no dia da votação não será diferente. De acordo com Rafael, todos os eleitores devem ir até o seu local de votação utilizando máscara retirando somente se solicitado pelos mesários na hora da identificação, e nesse caso, após o manuseio da máscara o eleitor deve higienizar as mãos utilizando álcool em gel, que estará a disposição dos eleitores e mesários durante todo o processo.

Sobre portar a própria caneta no dia da eleição, Rafael explica que se trata de uma sugestão e não de uma obrigatoriedade, ou seja, nenhum eleitor será impedido de votar caso não o faça. O pedido é feito para evitar o contato de muitas pessoas à uma mesma caneta na hora de assinar o caderno de votação. Rafael ainda destaca que entre as medidas do protocolo sanitário está prevista a disposição de um número significativo de canetas que devem ser higienizadas e alternadas pelos mesários.

Não utilização da identificação por biometria

A não utilização da identificação biométrica nas eleições de 2020 se dá devido aos protocolos de prevenção ao coronavírus. Rafael explica que, como o processo exige o contato direto da mão do eleitor com o leitor biométrico, a realização aumentaria o risco de contágio. Da mesma forma, não seria viável higienizar o leitor ou a mão de cada eleitor durante o processo, isso porque, há o risco de danificar o aparelho pelo uso do álcool.

Com essa mudança, aqueles eleitores que não realizaram o cadastramento biométrico e tiveram o seu título de eleitor cancelado poderão votar normalmente. Essa decisão, explica Rafael, partiu do entendimento de que algumas pessoas acabaram sendo prejudicadas pela suspensão dos atendimentos presenciais no Cartório Eleitoral e reforça que essa é uma ação temporária, ou seja, assim que encerrar o período eleitoral os documentos que não receberam cadastramento biométrico voltarão a ser desativados.

Este conteúdo está disponível, também, no aúdio da matéria.

Link para notícia no site Tua Rádio

Homem é executado à tiros em Vacaria

A Polícia Civil de Vacaria investiga mais um homicídio registrado no município nesta terça-feira (27).

A vítima, Lauri Thomazetti, de 52 anos, foi atingido por vários disparos de arma de fogo, no Bairro São José, onde residia.

O autor já foi identificado. Trata-se de um homem de 47 anos, que cometeu o crime por motivo passional, por não aceitar o novo relacionamento de sua ex-esposa com a vítima. Logo após cometer o crime, fugiu do local, e está foragido.

O suspeito irá responder a inquérito policial, junto à DP Vacaria, pela prática de crime de homicídio qualificado por motivo torpe, sendo que será formulado imediatamente o pedido de prisão preventiva do investigado.

Fonte: PC Vacaria

A Polícia Civil de Vacaria investiga mais um homicídio registrado no município nesta terça-feira (27).

A vítima, Lauri Thomazetti, de 52 anos, foi atingido por vários disparos de arma de fogo, no Bairro São José, onde residia.

O autor já foi identificado. Trata-se de um homem de 47 anos, que cometeu o crime por motivo passional, por não aceitar o novo relacionamento de sua ex-esposa com a vítima. Logo após cometer o crime, fugiu do local, e está foragido.

O suspeito irá responder a inquérito policial, junto à DP Vacaria, pela prática de crime de homicídio qualificado por motivo torpe, sendo que será formulado imediatamente o pedido de prisão preventiva do investigado.

Fonte: PC Vacaria

Link para notícia no site Tua Rádio