Rua Alfredo Chaves, entre Dom José Baréa e Tronca, volta a ter sentido duplo

A medida foi tomada devido às obras na rua Dom José Baréa

A Rua Alfredo Chaves, entre as ruas Dom José Baréa e Tronca, voltou a ser de mão dupla, ou seja, ter faixas de ida e volta. Segundo o secretário municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade, Alfonso Willenbring Júnior, o trecho que era de sentido único desde 2017 passa pela transformação depois de pedidos de moradores do bairro Exposição. As alterações entraram em vigor na terça-feira (24) e seguirão por prazo indeterminado.

Segundo a Secretaria, a mudança também se torna mais uma opção para o condutor que vier pela Dom José Baréa, já que a via está com fluxo totalmente bloqueado entre as ruas Alfredo Chaves e Andrade Neves, por causa de obras na rede pluvial. As intervenções estão temporariamente suspensas em virtude do risco com o contágio do coronavírus.

Link para notícia no site Tua Rádio

Trânsito em frente à UPA Central está bloqueado

Medida ocorre para montagem de tenda de triagem para eventuais casos de Covid-19.

O fluxo de veículos na Rua Marechal Floriano, entre as ruas Vinte de Setembro e Ernesto Alves, está bloqueado por tempo indeterminado. No trecho, que fica em frente à UPA Central, será montada uma tenda de triagem para eventuais novos casos de Covid-19.

A interrupção será por tempo indeterminado. As opções de alternativa são as ruas Coronel Flores e Visconde de Pelotas.

Link para notícia no site Tua Rádio

“O impacto de uma notícia falsa é gravíssimo”, diz secretária de comunicação do RS

Jornalista Tânia Moreira falou sobre as fake News em entrevista à Tua Rádio São Francisco

No momento atual em que estamos vivendo, frente à pandemia do coronavírus (Covid-19), o jornalista possui um papel fundamental na sociedade, que é o de informar bem. Porém, as notícias falsas, as chamadas fake News tem nos dado um retrabalho para desmentir aquilo que é propagado sem a devida apuração e checagem, principalmente nas redes sociais. A secretária estadual de Comunicação do Rio Grande do Sul, a jornalista Tânia Moreira falou sobre o tema com o repórter Pablo Ribeiro.

Ouça AQUI a entrevista completa.

Link para notícia no site Tua Rádio

Contadores se mobilizam para negociar flexibilização do atendimento ao público para a declaração do IR

A função não foi considerada essencial no Decreto Municipal

O prazo original para o a entrega da declaração do Importo de Renda (IR), e que ainda está em vigor é 30 de abril. Mas, com a pandemia do coronavírus, entidades defendem que muitos contribuintes podem enfrentar dificuldades para reunir os dados e preencher o formulário. Diante de decretos governamentais que suspendem atendimento ao público – exceto os considerados essenciais, os escritórios de contabilidade fecharam. Os profissionais trabalham em sistema de home office. 

Em Caxias do Sul, lideranças do SESCON Serra Gaúcha, se mobilizaram para sensibilizar as autoridades locais na tentativa de flexibilizar o decreto e permitir que os escritórios de contabiliade possam atender ao público em caráter emergencial com o foco no IR.

O diretor financeiro do SESCON, Juliano Galvan De Biasi, concedeu entrevista ao programa Temática na manhã desta quinta-feira quando falou sobre as regras do imposto, o modelo de trabalho atual dos escritórios, o alerta para que o contribuinte encaminhe sua declaração no prazo original e da mobilização da categoria na cidade. Confira a entrevista na íntegra.

Link para notícia no site Tua Rádio

Morre marauense que estava com suspeita de Covid-19

Ele estava internado na UTI do Hospital Nossa Senhora da Oliveira

Boletim epidemiológico da Secretaria Municipal da Saúde de Vacaria confirmou a morte de um idoso de 79 anos, que estava internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Nossa Senhora da Oliveira, com sintomas de Covid-19, além de outras doenças e complicações de saúde. A morte foi confirmada na tarde desta quarta-feira, 25/03.

O idoso havia sido transferido de Marau e também consta como caso suspeito no boletim epidemiológico do nosso município. Até a terça-feira, 24/03, ele constava no boletim epidemiológico de  Vacaria como “pessoa com monitoramento no hospital”. Ontem eram três pessoas nesta situação e hoje, com o óbito, caiu para duas.

O corpo está sendo transladado para Marau e as informações de sepultamento serão confirmadas na programação. O idoso nasceu em 1940 em Carazinho. O exame que detecta a presença ou não do coronavírus, ainda está em análise no Laboratório Central do Estado

Link para notícia no site Tua Rádio

CIC Caxias e Secretaria Municipal da Saúde lançam campanha para arrecadar recursos para combate do coronavírus

Tanto recursos financeiros quanto materiais serão destinados para as redes pública e privada de saúde do município

A Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC) de Caxias do Sul, juntamente com a Secretaria Municipal da Saúde, lançou uma campanha emergencial para arrecadar recursos que auxiliem no combate ao coronavírus.

A campanha tem o objetivo de arrecadar dinheiro para a compra de material hospitalar e equipamentos que serão destinados ao sistema público e privado de saúde em Caxias do Sul. Além dos recursos financeiros, serão aceitas doações de recursos materiais, de acordo com a demanda dos hospitais e profissionais de saúde local.

Segundo o diretor-executivo da CIC, Gelson Dalberto, tanto pessoas físicas quanto jurídicas podem fazer as doações na seguinte conta bancária:

Razão Social – Câmara de Indústria, Comércio e Serviços de Caxias do Sul

CNPJ: 88.619.747/0001-73

041 – Banrisul

Agência: 0180

CC: 06.302465.0-4

Ouça a entrevista completa com o diretor-executivo da CIC, Gelson Dalberto, AQUI.  

Link para notícia no site Tua Rádio

Salários de funcionários da Visate podem ser quitados em abril, afirma sindicato

Empresa afirmou, em nota, que coronavírus agravou a situação financeira, que já estava comprometida

A Visate, concessionária que realiza o transporte público em Caxias do Sul, informou por meio de nota divulgada em suas redes sociais que não garantia o pagamento integral da folha de março a funcionários. O diretor superintendente da empresa, Fernando Ribeiro disse que a Visate foi pega pela crise do coronavírus, numa hora em que sua capacidade financeira está comprometida.

O presidente do Sindicato dos Rodoviários de Caxias do Sul e Região, Tacimer Kulmann da Silva, afirmou em entrevista à Tua Rádio São Francisco que a empresa garantiu que o pagamento integral poderá ser parcelado ainda no mês de abril.

Ouça AQUI a entrevista completa.

 

Confira a nota da empresa:

A VISATE foi pega pela crise do Coronavírus, numa hora em que sua capacidade financeira está seriamente comprometida, em razão das políticas públicas, relacionadas ao transporte coletivo urbano, adotadas durante os últimos três anos em nossa cidade.

A nossa folha de pagamento corresponde a 54% da receita total da empresa, sendo que grande parte dessa receita é obtida na última semana do mês, por meio do vale transporte, comprado pelas empresas. Com a paralisação das atividades econômicas e de grande parte das organizações, desde 20 de março, as compras não foram realizadas.

Estamos tentando garantir 50% dos salários de março dos nossos funcionários, cesta básica e plano de saúde, mesmo sem ter receita para isso, com o objetivo maior de possibilitar a eles um sustento mínimo.

Não sabemos ainda como faremos com os outros 50% referentes ao mês de março, e, muito menos em relação ao futuro próximo, tanto no que diz respeito aos salários, quanto aos empregos.

Estamos buscando, junto às instituições financeiras, uma linha de crédito para que possamos honrar com os nossos compromissos, jamais negligenciados nos 34 anos de serviços prestados à comunidade.

A nossa atenção máxima agora é com o sustento dos nossos 1,4 mil funcionários, seus dependentes e familiares.

Essa é a dura realidade que vivemos.

Por Fernando Ribeiro

Diretor Superintendente da VISATE

Link para notícia no site Tua Rádio

Aula virtual de capoeira ajuda a manter o corpo e a mente saudável em tempo de Covid-19

Participantes de todas as idades – do Brasil e exterior – se divertem com apresentações lúdicas e gratuitas pela internet

 

 Em tempos de quarentena por causa da pandemia de Coronavírus, é preciso buscar alternativas para deixar o corpo e a mente em boa forma e sempre saudáveis. Pensando nisso, o educador físico Marcel Stocco – conhecido como professor Cabeção – teve a ideia de realizar aulas de capoeira pela internet. A ação começou no sábado (21 de março) e acontece todos os dias, às 11h, gratuitamente.
Mais de cem pessoas de todo Brasil e do exterior já participam das apresentações virtuais. O acesso é simples e gratuito. No celular, é só baixar o aplicativo ZOOM, seguir o roteiro autoexplicativo e inserir o código de identificação 325 057 9299.

 Quem prefere usar o computador, basta acessar www.zoom.us/join, clicar em Entrar em uma reunião e inserir o mesmo número. Depois, é só ver os ícones disponíveis e ativar a opção desejada. A plataforma disponibiliza gratuitamente serviço de conferência remota que combina videoconferência, reuniões online, bate-papo e colaboração móvel, além da sensação de proximidade.
               

Marcel falou sobre a iniciativa em entrevista ao programa Em Alta na tarde desta quarta-feira. Confira na íntegra.

 

Link para notícia no site Tua Rádio

Novo decreto proíbe utilização dos parques e praças e flexibiliza atividades internas do comércio e indústrias em Caxias

Durante live o prefeito Flávio Cassina, o vice-prefeito Elói Frizzo e a diretora das vigilâncias em saúde, Andréa Dal Bó reforçaram a necessidade de todos permanecerem em casa

O prefeito de Caxias do Sul, Flávio Cassina e o vice-prefeito, Edio Elói Frizzo, anunciaram por meio de live na manhã desta quarta-feira (25) um novo decreto municipal com adequações de funcionamento de algumas atividades. Segundo eles, as novas medidas visam consonância com os decretos estaduais.

Dentre as mudanças está a possibilidade de os hotéis alugarem quartos para moradores da cidade que precisam se afastar de sua residência para preservar seus familiares como os profissionais da saúde; a possibilidade de restaurantes e lancherias funcionarem com tele entrega ou sistema pague e leve; também permite indústrias e comércio funcionarem com atividades internas para manutenção da segurança e realização de vendas via aplicativos ou internet; proíbe utilização dos parques, praças e academias ao ar livre e mantém a operação do transporte coletivo urbano e o transporte intramunicipal somente em linhas especiais e capacidades reduzidas, entre outras medidas.

Durante a live transmitida pelo Facebook, Cassina, Frizzo e a diretora das vigilâncias em saúde do município, Andréa Dal Bó, também reiteraram a necessidade de todos respeitarem a quarentena. “O mais importante dessas medidas é o isolamento domiciliar, as pessoas precisam se manter em casa”, desse Andréa.

Cassina frizou que as medidas visam proteger a vida dos cidadãos: “Nós temos algumas coisas que concordamos com aquilo que está sendo feito pelo governo Federal e pelo governo Estadual; em algumas coisas divergimos. Mas, neste momento buscamos fazer uma convergência de ideias para que não haja nenhum prejuízo para a nossa população. Nós sabemos também que o impacto na economia vai ser muito grande, estamos fazendo de tudo para minimizar isso, mas, neste momento o que importa é a vida”.

Já o vice-prefeito Elói Frizzo fez menção ao pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro que foi ao ar na cadeia de rádio e TV nesta terça-feira (24): “Desde o início reunimos nossas equipes das diversas secretarias e buscamos tomar medidas que dialogam com o que a Dra. Andréa falou, blindar a nossa comunidade para que o vírus não se propague e para que a gente não enfrente um pico alto de contaminação. Então, todas as ações que estamos tomando, independente dos discursos do presidente Bolsonaro que não dialogam inclusive com as ações da sua própria equipe de governo, nós estamos fazendo a nossa parte”.
 

Veja os principais pontos do novo decreto municipal nº 20.842.   

1 – Os estabelecimentos fechados para o público, como o comércio e a indústria, agora o de serviços podem ter atividades internas para a manutenção e segurança, bem como para a realização de transações comerciais por meio de aplicativos, internet, telefone e os serviços de entrega de mercadorias, deve adotar o escalonamento de mão-de-obra necessária a fim de evitar aglomerações;

2 –  A proibição de novas hospedagens em hotéis, motéis e pousadas, não se aplica a moradores da cidade que precisem se afastar de sua residência por residir com pessoa incluída no grupo de risco, residir com pessoa suspeita de contaminação ou profissionais da área da saúde;

3 – Farmácias e supermercados dos shoppings centers podem funcionar (dentro das normas já estabelecidas de redução de funcionários e restrição de público interno);

4 –  Incluiu-se medicamentos agropecuárias e insumos agrícolas, no item das clínicas veterinárias em regime de plantão e comércio de rações;

5 – Restaurantes e lanchonetes poderão realizar atividades no sistema tele-entrega e pegue e leve;

6 – Postos de Combustíveis poderão funcionar das 7h às 19h, de segunda a sábado, ficando ainda vedada a manutenção de mesas para consumo nas dependências das lojas de conveniência;

7 – Incluiu-se TI e data centers, no ítem dos serviços de telecomunicações e de processamento de dados;

8 – Autoriza o transporte de cargas, desde que atendam os serviços essenciais;

9 – Podem abrir oficinas mecânicas, borracharias, chapeação, comércio de peças, elevadores e refrigeração, e outros estabelecimentos e/ou serviços que atendam aos serviços elencados;

O documento também prevê que o descumprimento das medidas restritivas previstas no Decreto são passíveis de advertência e multa. Na reincidência, os estabelecimentos estarão sujeitos à interdição total ou parcial da atividade e cassação de alvará de localização e funcionamento. As medidas previstas neste Decreto terão validade por 15 dias, mas podem ser prorrogadas dependendo da situação epidemiológica.

Consulte o decreto na íntegra AQUI.

 

Link para notícia no site Tua Rádio

Novo decreto proíbe utilização dos parques e praças, também flexibiliza atividades internas em Caxias

Durante live o prefeito Flávio Cassina, o vice-prefeito Elói Frizzo e a diretora das vigilâncias em saúde, Andréa Dal Bó reforçaram a necessidade de todos permanecerem em casa

O prefeito de Caxias do Sul, Flávio Cassina e o vice-prefeito, Edio Elói Frizzo, anunciaram por meio de live na manhã desta quarta-feira (25) um novo decreto municipal com adequações de funcionamento de algumas atividades. Segundo eles, as novas medidas visam consonância com os decretos estaduais.

Dentre as mudanças está a possibilidade de os hotéis alugarem quartos para moradores da cidade que precisam se afastar de sua residência para preservar seus familiares como os profissionais da saúde; a possibilidade de restaurantes e lancherias funcionarem com tele entrega ou sistema pague e leve; também permite indústrias e comércio funcionarem com atividades internas para manutenção da segurança e realização de vendas via aplicativos ou internet; proíbe utilização dos parques, praças e academias ao ar livre e mantém a operação do transporte coletivo urbano e o transporte intramunicipal somente em linhas especiais e capacidades reduzidas, entre outras medidas.

Durante a live transmitida pelo Facebook, Cassina, Frizzo e a diretora das vigilâncias em saúde do município, Andréa Dal Bó, também reiteraram a necessidade de todos respeitarem a quarentena. “O mais importante dessas medidas é o isolamento domiciliar, as pessoas precisam se manter em casa”, desse Andréa.

Cassina frizou que as medidas visam proteger a vida dos cidadãos: “Nós temos algumas coisas que concordamos com aquilo que está sendo feito pelo governo Federal e pelo governo Estadual; em algumas coisas divergimos. Mas, neste momento buscamos fazer uma convergência de ideias para que não haja nenhum prejuízo para a nossa população. Nós sabemos também que o impacto na economia vai ser muito grande, estamos fazendo de tudo para minimizar isso, mas, neste momento o que importa é a vida”.

Já o vice-prefeito Elói Frizzo fez menção ao pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro que foi ao ar na cadeia de rádio e TV nesta terça-feira (24): “Desde o início reunimos nossas equipes das diversas secretarias e buscamos tomar medidas que dialogam com o que a Dra. Andréa falou, blindar a nossa comunidade para que o vírus não se propague e para que a gente não enfrente um pico alto de contaminação. Então, todas as ações que estamos tomando, independente dos discursos do presidente Bolsonaro que não dialogam inclusive com as ações da sua própria equipe de governo, nós estamos fazendo a nossa parte”.
 

Veja os principais pontos do novo decreto municipal nº 20.842.   

1 – Os estabelecimentos fechados para o público, como o comércio e a indústria, agora o de serviços podem ter atividades internas para a manutenção e segurança, bem como para a realização de transações comerciais por meio de aplicativos, internet, telefone e os serviços de entrega de mercadorias, deve adotar o escalonamento de mão-de-obra necessária a fim de evitar aglomerações;

2 –  A proibição de novas hospedagens em hotéis, motéis e pousadas, não se aplica a moradores da cidade que precisem se afastar de sua residência por residir com pessoa incluída no grupo de risco, residir com pessoa suspeita de contaminação ou profissionais da área da saúde;

3 – Farmácias e supermercados dos shoppings centers podem funcionar (dentro das normas já estabelecidas de redução de funcionários e restrição de público interno);

4 –  Incluiu-se medicamentos agropecuárias e insumos agrícolas, no item das clínicas veterinárias em regime de plantão e comércio de rações;

5 – Restaurantes e lanchonetes poderão realizar atividades no sistema tele-entrega e pegue e leve;

6 – Postos de Combustíveis poderão funcionar das 7h às 19h, de segunda a sábado, ficando ainda vedada a manutenção de mesas para consumo nas dependências das lojas de conveniência;

7 – Incluiu-se TI e data centers, no ítem dos serviços de telecomunicações e de processamento de dados;

8 – Autoriza o transporte de cargas, desde que atendam os serviços essenciais;

9 – Podem abrir oficinas mecânicas, borracharias, chapeação, comércio de peças, elevadores e refrigeração, e outros estabelecimentos e/ou serviços que atendam aos serviços elencados;

O documento também prevê que o descumprimento das medidas restritivas previstas no Decreto são passíveis de advertência e multa. Na reincidência, os estabelecimentos estarão sujeitos à interdição total ou parcial da atividade e cassação de alvará de localização e funcionamento. As medidas previstas neste Decreto terão validade por 15 dias, mas podem ser prorrogadas dependendo da situação epidemiológica.

Consulte o decreto na íntegra AQUI.

 

Link para notícia no site Tua Rádio

Coronavírus: Secretaria de Urbanismo faz mapa de risco devido às denúncias de estabelecimentos abertos

Avaliação é decorrente das denúncias encaminhadas pelo Alô Caxias e outros contatos.

Segundo a Secretaria de Urbanismo (SMU) de Caxias do Sul, no momento, o maior risco de contágio de coronavírus está nos bairros Santa Fé, Serrano, Cruzeiro e Bela Vista. Nestes locais foram flagrados o maior número de estabelecimentos comerciais desobedecendo o decreto que determina o fechamento do comércio. Com isso, mais pessoas estão circulando pelas ruas.

Além destes, a SMU alerta que há registro considerável de descumprimento nos bairros Fátima, Esplanada e Vila Cristina. Até o momento, já foram encaminhadas cerca de 2 mil denúncias (Alô Caxias, telefones diretos e redes sociais da Saúde).

Deste total, 60% receberam orientações para fechamento. O restante foram denúncias que não se confirmaram. Foram emitidas nove advertências, pois voltaram a abrir. Um local, o bingo, foi multado e fechado (descumprimento de decreto e atividade ilícita).

Link para notícia no site Tua Rádio

Rádio reforça capacidade de informação relevante em tempos de pandemia

Prestação de serviço, credibilidade, linguagem acessível e companhia demonstram a força do meio “rádio” na atualidade

Vivemos um tempo sem precedentes na história: a COVID-19 parou o mundo. A imprensa no geral têm mostrado o valor da informação correta e muitas vezes trabalha no enfrentamento da doença e das fake news que avançam possivelmente na mesma proporção.

Entre os veículos de comunicação de massa, o rádio exerce – historicamente –  papel fundamental pela fácil operacionalização, pela credibilidade e capacidade de instantaneidade. Foi assim na Segunda Guerra Mundial e está sendo agora.

O jornalista e professor, Luiz Artur Ferrarreto, analisou o papel do rádio em tempos de instabilidade e grandes conflitos em entrevista ao programa Temática na manhã desta quarta-feira. Confira na íntegra.

Link para notícia no site Tua Rádio

Marisul anuncia mais uma mudança no transporte coletivo de Marau

Alterações objetivam evitar a proliferação do coronavírus

A partir desta quinta-feira, 26/03, a Marisul – empresa que detém o serviço de transporte coletivo urbano de Marau, estará operando exclusivamente com horários de domingo, para todas as suas linhas. O site da empresa está sendo adaptado para conter todas as informações. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo 3342.1500 ou 99131.3574.

A mudança ocorre como adaptação às medidas de prevenção ao avanço do coronavírus. Na semana passada, a empresa já havia anunciado mudanças nos horários, com este mesmo objetivo. A empresa lembra, ainda, que pessoas acima dos 60 anos devem permanecer em casa.

Link para notícia no site Tua Rádio

Procon de Caxias do Sul intensifica fiscalização em supermercados

Os estabelecimentos são fiscalizados em medida para coibir preços abusivos

O Procon de Caxias do Sul está intensificando nesta semana as fiscalizações em supermercados e demais estabelecimentos comerciais do município. Com atendimentos presenciais cancelados por tempo indeterminado, o órgão está fazendo atendimentos a distância pelo site www.consumidor.gov.br, e presta informações através do telefone (54) 99929-8190. As atividades de fiscalização continuam acontecendo, combatendo as práticas abusivas cometidas por fornecedores nesse momento de extrema dificuldade. 

A fiscalização inclui itens como álcool em gel, produtos alimentícios básicos e de limpeza em geral. O órgão está solicitando os recibos de compra e venda dos produtos, para verificar se está havendo abusividade no aumento do preço desses produtos.

O Procon está fazendo atendimentos a distância pelo site www.consumidor.gov.br, e presta informações através do telefone (54) 99929-8190. As denúncias podem ser feitas no site www.caxias.rs.gov.br/procon.

Link para notícia no site Tua Rádio

Falta de chuvas ainda afeta municípios da região

Este conteúdo está disponível, também, no áudio da matéria

Desde o início do ano o estado do Rio Grande do Sul passa por um período de estiagem. Ainda no mês de janeiro, alguns municípios decretavam situação de emergência e alertavam sobre as perdas relacionadas, principalmente, às culturas de milho e soja. No mês de março, o volume de chuvas continua baixo e traz mais uma preocupação, o abastecimento de água. Em alguns municípios da região a orientação é economizar e diminuir o consumo. 

A Barragem de Ernestina, por exemplo, está com o volume de água abaixo do esperado, como explica Danilmar da Costa, ex prefeito do município de Nicolau Vergueiro o problema maior está na entrada dos rios. Segundo ele, o Rio Três Passos, está a cerca de 2 metros abaixo do nível, o que reforça a necessidade de conscientização e cuidado com o consumo. 

Danilmar aponta outra preocupação, com o baixo nível de água a mortandade dos peixes vem aumentando. Segundo ele, lagoas estão se formando nas entradas dos rios comportando menos água e assim disponibilizando de menos oxigênio para os peixes que acabam morrendo. 

A entrevista completa com Danilmar da Costa está disponível no áudio da matéria.

Link para notícia no site Tua Rádio

Desinformação sobre o Covid-19 é uma das justificativas para manter estabelecimentos abertos em Caxias do Sul

Em entrevista, o diretor-geral de fiscalização do Urbanismo contou como está o trabalho de vistoria na cidade

O Alô Caxias registrou 1.177 denúncias referentes ao descumprimento do decreto municipal que fecha estabelecimentos não essenciais na cidade devido à pandemia do Covid-19, desde a última sexta-feira (20/03). Os locais mais abordados pela Secretaria Municipal de Urbanismo (SMU) são ferragens, bares, materiais de construção, salões de beleza e mecânicas.

Em entrevista aos repórteres Rodrigo Fischer e Isadora Martins, no programa Em Alta desta terça-feira (24/03), o diretor-geral de fiscalização da pasta, Rodrigo Lazarotto, explicou quais os métodos de supervisionamento realizados pela equipe. “Inicialmente, temos alertado, de forma verbal, as pessoas pedindo cooperação, sem aplicar multas, no momento, pois vamos enfrentar um período de escassez na economia e não podemos sair aplicando punições apenas para pensar nos cofres do Município. Estamos falando de forma preventiva a fim de que colaborem com a norma e fechem os estabelecimentos por conta. Quem descumprir reiteradamente, será aplicada multa mesmo.”

Rodrigo contou quais as justificativas usadas pelos proprietários que não cumprem o decreto. “O que nos chama a atenção é o desconhecimento total por parte de alguns, parece que a noticia não chegou como deveria nessas pessoas, muitos, por falta de informação, não saberia que deveriam fechar. Outros desconhecem a existência do decreto e, muitas vezes, da existência desse surto [de coronavírus]. Isso impacta quando entramos em contato com os donos. No momento que são orientados, a maioria cumpre a norma, o que contribui no aumento dos fechamentos dos locais. Não podemos reclamar no momento da abordagem.”

Durante a entrevista, o diretor ainda ressaltou que 80% dos espaços abertos são bares, localizados nos bairros Cruzeiro, Bela Vista, Serrano, Esplanada e Santa Fé. Devido à flexibilização do decreto de Calamidade Pública do Governo do Estado, realizada nesta terça-feira (24/03), Rodrigo afirma que as mecânicas voltam a funcionar em todo o Rio Grande do Sul.

CLIQUE AQUI para conferir a entrevista completa com outros temas abordados pelo diretor.

Link para notícia no site Tua Rádio

Diocese de Caxias do Sul determina novas medidas para a Semana Santa

Celebrações serão realizadas sem a presença de fiéis.

 O bispo da Diocese de Caxias do Sul, Dom José Gislon, emitiu novo comunicado nesta terça-feira (24), com novas determinações em decorrência da pandemia do coronavírus. As principais medidas influenciam, principalmente, os ritos da Semana Santa.

Entre as determinações, está que todas as missas continuarão a ser celebradas sem a presença dos fiéis. Além disso, o comunicado determina que igrejas paroquiais, capelas e locais de oração permaneçam fechados.

O bispo recomenda que as famílias permaneçam em casa e, desta forma, realizem as orações com os familiares. Para os padres da diocese, é orientado que atendam por telefone ou redes sociais. O comunicado na íntegra você encontra AQUI.

Link para notícia no site Tua Rádio

Restaurante Popular vai redirecionar oferta de marmitas para os pavilhões e cozinhas comunitárias

Mudança passa a valer nesta quarta-feira (25). Espaço físico ficará fechado.

O Restaurante Popular mudou a estratégia desde a segunda-feira (23). Inicialmente, o espaço seria fechado e marmitas seriam comercializadas em frente. Entretanto, os usuários do local estavam se aglomerando para adquirir as refeições. Pensando nisso, as marmitas serão encaminhadas aos moradores de rua alojados nos Pavilhões da Festa da Uva. As cozinhas comunitárias também foram reforçadas. A diretora de Segurança Alimentar da Secretaria Municipal da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Cristina Gregoletto, explicou o assunto em entrevista para a Tua Rádio São Francisco.

(Ouça a entrevista abaixo do título)

Link para notícia no site Tua Rádio

Alô Caxias recebe mais de 1,2 mil ligações nesta segunda-feira

383 foram denúncias sobre estabelecimento descumprindo decreto de fechamento.

O número do Alô Caxias, 156, recebeu nesta segunda-feira (23) 1.205 ligações. Deste total, 383 foram denúncias sobre locais que ainda respeitam o decreto para manter fechados estabelecimentos comerciais, exceto aqueles considerados essenciais.

Os bairros de Caxias do Sul que concentram o maior número de denúncias são Santa Fé, Serrano, Cruzeiro e Bela Vista. Outros pontos com o descumprimento da medida são Fátima, Planalto e região do Esplanada.

As denúncias envolvem ferragem, bares, material de construção, salão de beleza e mecânica.

Link para notícia no site Tua Rádio

Cientista de dados analisa o avanço do COVID-19 no país e na região da Serra Gaúcha

Números de contágio declinaram, mas o isolamento social continua sendo a principal medida de prevenção

 Isac Schrarstzaupt é cientista de dados e está de forma voluntária fazendo levantamentos gráficos para auxiliar a população nas projeções da doença que vem afetando o mundo todo. Segundo suas análises sobre os dados oficiais do Ministério da Saúde, o pico de contaminação no Brasil acontecerá na primeira semana de abril.c Com a curva em declínio no Brasil, a previsão de colapso no sistema de saúde seria em meados de maio e previsão de permanência da quarentena e negócios fechados ainda deverá persistir por mais três meses.

Confira na íntegra a entrevista que foi ao ar no programa Temática na manhã desta terça-feira.

Link para notícia no site Tua Rádio

Confira as orientações para a convivência em condomínios durante a COVID-19

Especialista fala sobre novas práticas e rotinas em elevador, áreas comuns e passeio com os pets

Fernando Gonçalves, diretor da Prolar Imóveis – empresa que tem 50 anos na administração de condomínios, diretor da CIC de Caxias do Sul e membro do Conselho Superior da ABMI (Associação Brasileira do Mercado Imobiliário), foi o convidado do programa Temática para falar do assunto na manhã desta terça-feira.

Confira a entrevista na íntegra.

Link para notícia no site Tua Rádio

Pandemia faz Governo adiar parcelas do Simples Nacional

Valores referentes a março, abril e maio poderão ser pagos no segundo semestre juntamente com os demais

 

Devido a pandemia de Covid-19 e o fechamento de milhares de empresas em todo o Brasil, o Governo Federal anunciou o adiamento de parte dos impostos que incidem no Simples Nacional pelo período de três meses. A medida objetiva reduzir os efeitos relacionados à pandemia nas micro e pequenas empresas, resguardar empregos e o pagamento de salários. 

No Rio Grande do Sul são mais de 962.875 empresas optantes do Simples, sendo mais de 48 mil só em Caxias do Sul.

O especialista em Direito e Processo Tributário, Guilherme Luvisotto, do escritório Luvisotto e Franz – Sociedade de Advogados -, em Curitiba, esclarece dúvidas e traz mais informações para quem optou por esse regime tributário no começo do ano e enfrenta a suspensão das atividades. O profissional falou sobre o assunto em entrevista ao programa Temática na manhã desta terça-feira. Confira na íntegra.

 

Link para notícia no site Tua Rádio

Declaração do Imposto de Renda: Prazos e mudanças

Este conteúdo está disponível, também, no áudio da matéria

O período reservado a Declaração do Imposto de Renda iniciou junto ao mês de março e deve terminar junto ao mês de abril. Para esclarecer algumas dúvidas e falar sobre a atual situação para quem deve fazer a declaração até o dia 30/04, a Tua Rádio Alvorada conversou com Leandro Tessaro Ramos, Delegado da Receita Federal de Passo Fundo.

Segundo Leandro, existem algumas regras que determinam a obrigatoriedade da declaração, sendo parte delas, pessoas físicas que têm rendimento anual superior a R$ 28.559,00; produtores rurais onde a receita bruta da atividade rural supera R$ 142.798,00; ganho de capital alienando bens e direitos; quem possui bens e direitos, incluindo terra nua, em valor superior R$ 300 mil.

Para este ano algumas mudanças foram aplicadas.  Uma delas é a alteração dos lotes de restituição, em 2019 eram sete lotes entre junho e dezembro. A partir de 2020 serão cinco lotes, o primeiro previsto para o fim do mês de maio e os demais até o final de setembro. As doações, que eram anteriormente destinadas, apenas, para o fundo de crianças, passa a ser destinada também ao fundo do idoso.   

Sobre a situação atual, relacionada ao coronavírus, Leandro conta que não foram feitas, até o momento, alterações nos prazos para a realização da declaração, mas que a medida ainda pode ser tomada se necessário. No momento, a fiscalização está com os procedimentos de notificação mais lentos em razão da estrutura física reduzida.

A entrevista completa com Leandro Tessaro Ramos está disponível no áudio da matéria.

Link para notícia no site Tua Rádio

Câmara aprova redução de vagas no estacionamento rotativo

Alterações passam a vigorar após a sanção do projeto por parte do Executivo

Os vereadores maraueses aprovaram por unanimidade, na noite desta segunda-feira, 23/03, o Projeto de Lei nº 15/2020, de autoria do Poder Executivo, que promove alterações no sistema de estacionamento rotativo pago, no município. Em resumo, o número de vagas pagas será reduzido.

A partir da aprovação, a zona azul agora vale para a Avenida Júlio Borella, no trecho entre a Rua Reinoldo Matte e a Rua General Osório; Avenida Presidente Vargas, trecho compreendido entre a Rua Reinoldo Matte e a Rua Lauro Ricieri Bortolon e entre a Rua Darvin Marosin e a Rua Rui Barbosa. Já a Avenida Barão do Rio Branco e demais transversais também seguem com a cobrança, sem alterações.

Ficam excluídas, portanto, as vagas antes compreendidas entre as ruas Rua Santo Marchetto e Reinoldo Matte, e a Rua General Osório e Honorino Pereira Borges, no trecho da Avenida Júlio Borella e entre a Rua Rui Barbosa e Alberto Borella, no trecho da Avenida Presidente Vargas.

“O objetivo é atender à solicitação da população Marauense e também da empresa que realiza o serviço, uma vez que, após a implantação do sistema, verificou-se que não há necessidade de manter as vagas citadas”, explica o prefeito Iura Kurtz. As alterações passam a vigorar após a sanção do projeto por parte do Executivo. 

Link para notícia no site Tua Rádio

Agências do Sine têm atendimento suspenso

Trabalhador pode recorrer ao atendimento online

Para evitar aglomerações de pessoas e o risco de contaminação pelo Coronavírus, a Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social suspendeu os atendimentos presenciais nas Agências FGTAS/Sine a partir desta segunda-feira, 23/03. A suspenção ocorre pelo período de 15 dias, respeitando os decretos do governo do Estado.

Trabalhadores que necessitarem dos serviços tem a disposição os seguintes canais virtuais:

Seguro-desemprego

Sites: www.gov.br / servicos.mte.gov.br
Aplicativo: Sine Fácil
 

Carteira de Trabalho

Aplicativo: App CTPS Digital
 

Vagas de emprego

Aplicativo: Sine Fácil
Central de Atendimento do Trabalhador – 158

Mais informações podem ser obtidas também através do site www.fgtas.rs.gov.br. Para os marauenses, o número de contato é o (54) 9 9154 9670.

Link para notícia no site Tua Rádio

Presidente do Conselho Tutelar de Marau confirma o cancelamento de projetos previstos para este ano

Entre os projetos cancelados está o Conselheiro Tutelar Mirim, que pela primeira vez seria aplicado em uma escola da rede estadual

O Conselho Tutelar de Marau é outro órgão que, neste momento, atende por sistema de plantão. Em caso de necessidade, pode-se acionar os serviços pelo número 99621.6748. Clemoar Giolo, que preside o colegiado neste ano, explica que as medidas são momentâneas e pede a compreensão de todos. Seguindo determinações da administração pública municipal, o CT também liberou funcionários com mais de 60 anos e os que possuem, em suas casas, pessoas na faixa de risco de contaminação pelo novo coronavírus.

O período é de paciência, segundo Giolo, especialmente porque a orientação dos órgãos competentes é para que se fique em casa. Neste sentido, ele pede a compreensão dos pais que possuem a guarda compartilhada dos filhos e também para os casos de visitação, sugerindo que haja o bom senso por parte dos adultos a fim de preservar a saúde das crianças. O presidente lembra que não existe uma lei que impeça a visitação, que proíba uma mãe ou um pai de buscar seu filho, mas é preciso ter cuidados, principalmente quando há a necessidade de deslocamentos de uma cidade para outra. “Logo, logo, as coisas normalizam”, sugere ele.

Em entrevista para a Tua Rádio Alvorada, Cleomar Giolo antecipou que pelo menos dois projetos do colegiado serão suspensos neste ano. Um deles é o Conselheiro Tutelar Mirim – que em 2020 seria, pela primeira vez, aplicado em uma escola estadual. O outro, seria uma novidade em Marau: um projeto pioneiro de implantação de grêmios estudantis nas escolas da rede municipal de ensino. Ele entende que a suspensão das aulas por tempo indeterminado acaba por impedir a realização das atividades. Um terceiro projeto previsto para este ano deve ser executado. Ele está relacionado aos 30 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente e consiste na criação de uma cartilha informativa sobre as reais funções de um Conselho Tutelar. 

 

Ouça a entrevista, na íntegra, no player de áudio.

Link para notícia no site Tua Rádio

Confira como fica a cobrança dos impostos em meio à pandemia do coronavírus

Por enquanto cobranças de contas fixas não devem ser alteradas. No caso de aluguéis, especialistas sugerem acordos

A paralisação do comércio, das atividades industriais e dos serviços devido à pandemia do coronavírus vem causando temor para muitas famílias na questão econômica. Alguns trabalhadores assalariados vão seguir recebendo por um tempo mesmo estando em casa, algumas empresas adotaram, o home office, adiantaram férias ou vão fazer banco de horas, porém não se sabe por quanto tempo. Também tem aqueles trabalhadores autônomos ou informais que recebem a cada serviço prestado e que com a paralisação das atividades não têm fonte de renda. Diante da situação financeira complicada, muitas pessoas se questionam a respeito dos impostos e contas fixas, se haverá possibilidade de flexibilização nas cobranças.
 

ÁGUA

Em Caxias do Sul, Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) não vai suspender a cobrança, porém vai substituir o sistema de leitura pela média de consumo dos últimos três meses. A autarquia também vai suspender o corte de água por falta de pagamento como explica o diretor-presidente, Idair Moschen: OUÇA AQUI

Como explicou Moschen, os boletos de cobrança serão emitidos pelo site do Samae. Dúvidas sobre a cobrança de água podem ser sanadas por meio do número de plantão da autarquia, o 115 ou nos telefones (54) 9 9148-4373 ou (54) 9 9174-1457.
 

IMPOSTOS MUNICIPAIS (IPTU / ISSQN)

A Prefeitura ainda não tem uma definição quanto a impostos municipais como o ISSQN e o IPTU. Conforme o Secretário Municipal da Receita, Gilmar Santa Catarina, a princípio as cobranças vão continuar até a segunda ordem. OUÇA AQUI

LUZ

A reportagem tentou contato com a RGE, mas até o momento da publicação desta reportagem, não obteve retorno.

ENSINO

Quanto às instituições de ensino particulares, cada uma está adotando um sistema de cobrança e pagamento. Um grande número de instituições está ofertando o ensino à distância, de forma online, para diminuir os impactos no calendário previsto, logo, os valores deverão ser cobrados.

ALUGUÉIS

Para aluguéis a orientação é negociar e fazer acordos. Segundo a advogada especialista em Direito Imobiliário e Empresarial, Morgana Bossuk, a legislação não prevê a suspensão da cobrança de aluguéis por conta da pandemia. OUÇA AQUI

PAGAMENTOS

Com o fechamento das casas lotéricas e dos caixas de atendimento presencial nos bancos, os pagamentos podem ser feitos por meios digitais, como aplicativos dos bancos, internet banking ou nos caixas eletrônicos das agências via código de barras.

ATENDIMENTO AO CONSUMIDOR

O Procon está fazendo uma análise dos casos para tentar resolver os impasses. O órgão está disponível somente para atendimentos à distância pelo site www.consumidor.gov.br, ou pelo telefone (54) 9 9929-8190.

Link para notícia no site Tua Rádio

“Quase 96% da comunidade entende a necessidade”, relata prefeito de Flores da Cunha sobre toque de recolher

Determinação foi instituída no decreto de Calamidade Pública do governo municipal, divulgado no último sábado (21), devido ao novo coronavírus (Covid-19)

Em entrevista aos repórteres Rodrigo Fischer e Isadora Martins, no programa Em Alta, da Tua Rádio São Francisco, o prefeito de Flores da Cunha, Lídio Scortegagna, falou como está os primeiros dias da cidade com o decreto de Calamidade    Pública, expedido no último sábado (21/03). O tema foi o toque de recolher, instituído no documento, das 21h ás 06h em todo o município. Na Serra Gaúcha, Flores da Cunha foi um dos primeiros locais a promulgar essa determinação.

“Atendemos uma demanda da nossa comunidade e das lideranças de Flores da Cunha para que instituíssemos esse regramento um pouco rígido. O objetivo é que as pessoas, de fato, obedeçam à decisão. No sábado à noite, tivemos fiscalização para que se cumprisse o que colocamos no decreto. No domingo, os fiscais, com apoio da Brigada Militar, fizeram que as pessoas cumprissem o regramento.”, explica Lídio sobre o impacto inicial da decisão.

Ele relata a quantidade de abordagens e de como está o comportamento da população florense com o novo regramento. “Estamos apenas fazendo a orientação. Felizmente, tivemos poucos casos em que precisou ser dado o toque de recolher. Quero agradecer a comunidade que tem sido compreensiva, quase 96% da comunidade entende a necessidade. A grande maioria entendeu perfeitamente e todos têm obedecido à risca.”

O prefeito ainda falou como a cidade se prepara a fim de evitar uma possível disseminação do coronavírus.

CONFIRA A ENTREVISTA COMPLETA

Link para notícia no site Tua Rádio

Coordenador do Procon orienta população que precisou cancelar viagem durante a pandemia

Profissional alerta que o consumidor pode se ressarcir de todo o valor pago

Dagoberto Machado dos Santos, o coordenador do Procon Caxias, falou sobre o assunto em entrevista ao programa Em Alta na tarde desta segunda-feira. Além de orientar a população sobre os cancelamentos e remarcações de viagens, o advogado também falou sobre a fiscalização em farmácias e mercados para manter os preços dos produtos dentro da normalidade.

Confira na íntegra.

Link para notícia no site Tua Rádio

Novo decreto determina suspensão das atividades com público nos bancos de Marau

Se preferir, ouça este conteúdo clicando no player de áudio

Novo decreto assinado pelo prefeito Iura Kurtz de Marau estabelece que ficam suspensas as atividades das agências bancárias, instituições financeiras, lotéricas, cooperativas de créditos, públicas e privadas, permitido o atendimento mediante caixa eletrônico, aplicativos, internet e qualquer outro meio que não exige o atendimento presencial ao público, ressalvados aqueles referentes aos programas destinados a aliviar as consequências econômicas do novo Coronavírus. Em caso de descumprimento pode haver a cassação do alvará de localização e funcionamento.

Também, conforme o novo decreto, datado de 22 de março de 2020, fica vedado o funcionamento das áreas comuns dos hotéis e todas as refeições devem ser servidas exclusivamente no quarto. Ainda, as clínicas médicas e de análises clínicas, podem fazer atendimentos desde que realizadas com tele agendamento e atendimento individualizado, sem a presença de acompanhante. Já as clínicas veterinárias e odontológicas deverão manter suas atividades suspensas, sendo permitido somente os atendimentos em casos de urgência, desde que realizadas com tele agendamento e individualizado. Em caso de descumprimento, também aplicam-se penalidades de suspensão total da atividade e até cassação de alvará de localização e funcionamento.

Veja o novo decreto, na íntegra, clicando aqui.

IPTU

Em entrevista para a Tua Rádio Alvorada o prefeito de Marau confirmou que o calendário e pagamento do IPTU – Imposto Predial e Territorial Urbano, será prorrogado. A primeira parcela, que venceria em abril, terá data limite de pagamento, a princípio, no final de junho. As novas datas estão sendo definidas e serão publicadas no Diário Oficial do Município nos próximos dias.

Ouça no player e áudio.

Link para notícia no site Tua Rádio

Dia Mundial da Água: bilhões não têm acesso à água e sabão

Conforme o Unicef, 40% da população mundial, ou 3 bilhões de pessoas, não têm lavatório com água e sabão em casa

Neste domingo, 22/03, quando se comemora o Dia Mundia Mundial da Água, todas as atenções estão voltadas para a luta contra o novo coronavírus – Covid-19. Um cuidado de higiene é fundamental para evitar pegar a doença e propagar o vírus: lavar corretamente as mãos.

Mas, segundo dados do Fundo das Nações Unidas para a Infância  – Unicef, duas em cada cinco pessoas em todo o mundo não têm instalações básicas para se lavar as mãos, de acordo com os dados mais recentes.

Conforme o Unicef, 40% da população mundial, ou 3 bilhões de pessoas, não têm lavatório com água e sabão em casa e quase três quartos das pessoas nos países menos desenvolvidos não têm instalações básicas para lavar as mãos em casa.

O Unicef afirma ainda que 47% das escolas, que abrigam 900 milhões de crianças em idade escolar, não têm um lavatório adequado.

Nos estabelecimentos de saúde de todo o mundo, 16% não tinham banheiros funcionais ou instalações para lavar as mãos nos pontos de atendimento onde os pacientes são tratados.

O fundo apresentou ainda outros dados que mostram a precariedade dos serviços de saneamento básico em todo o mundo. Na África ao sul do Saara, 63% da população nas áreas urbanas, ou 258 milhões de pessoas, não têm acesso à lavagem das mãos. Na Ásia Central e Meridional, 22% da população nas áreas urbanas, ou 153 milhões de pessoas, não têm acesso à lavagem das mãos; quase 50% dos bengaleses urbanos, 29 milhões de pessoas, 20% dos indianos urbanos, ou 91 milhões de pessoas, carecem de instalações básicas para lavar as mãos em casa.

No Brasil

Segundo o Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS), na média brasileira, 83,5% da população é servida por rede de água e apenas 52,4% tem o esgoto coletado, do qual somente 46% é tratado, conforme os dados mais recentes divulgados em fevereiro. Esses percentuais pouco subiram nos últimos anos, ligando o alerta para a impossibilidade de se cumprir as metas de universalização do saneamento até 2033, conforme o Plano Nacional de Abastecimento (PlanSab), de 2013.

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulgou estudo que prevê que quatro em cada 10 litros de água são perdidos no Brasil antes de chegar à população. Conforme a confederação, 34 milhões de brasileiros não têm água encanada e quase 40% dos recursos hídricos se perdem por desvios e infraestrutura deteriorada.

Está na pauta do Senado a proposta do Novo Marco Regulatório do Saneamento Básico. O texto, aprovado pela Câmara dos Deputados no final de dezembro, pretende unificar as regras do setor sob o guarda-chuva da Agência Nacional de Águas (ANA).  

O principal objetivo do projeto é abrir o mercado para a iniciativa privada, de modo a garantir recursos para a universalização do abastecimento de água e da coleta e tratamento do esgoto.

 
Fonte: Agência Brasil / Com informações do Unicef 

Link para notícia no site Tua Rádio

Prefeito declara estado de Calamidade Pública em Flores da Cunha

O documento instituiu o toque de recolher das 21h às 6h, suspensão das atividades na indústrias, construção civil, comércio e agências bancárias

O prefeito de Flores da Cunha, Lídio Scortegagna, decreto na manhã deste sábado, dia 21, estado de Calamidade Pública na cidade pelo período de15 dias. Assim as novas medidas e ações já passam a ter validade, e implicam em diversas restrições. O documento também instituiu o toque de recolher em todo o município de Flores da Cunha, a partir das 21hs, vigorando até às 06 horas do dia seguinte.

Ficam suspensas as atividades em indústrias, construção civil, estabelecimentos comercias de qualquer natureza, de serviços, centros comerciais, galerias, agências bancárias, cooperativas de crédito, lotéricas e correspondentes bancários, serviços notariais e registrais em funcionamento no Município de Flores da Cunha, bem como proibidas novas hospedagens em hotéis, motéis, pousadas e campings, podendo os clientes que já estão hospedados, permanecerem até a data de seus checkout.

As atividades nas indústrias alimentícias, de produtos perecíveis, de alimentação animal, de higiene, limpeza, assepsia, e as que atendam os serviços de saúde, serão permitidas, evitando o desabastecimento e devendo adotar o escalonamento da mão-de-obra necessária, a fim de evitar aglomerações. Os terminais de auto atendimento das agências bancárias, poderão operar desde que não haja aglomeração de pessoas no local, bem como seja realizada a higienização periódica nos equipamentos.

O transporte coletivo urbano municipal e de fretamento de passasageiros deverá operar com 50% da capacidade de passageiros sentados de cada veículo; com as janelas e alçapões de teto abertos, devendo ser realizada a higienização das superfícies de contato ao final de cada viagem com alcool líquido 70%.

A suspensão a que se refere ao decreto não se aplica aos seguintes estabelecimentos:

 

I – farmácias;

 

II – supermercados, mercados, mercearias, açougues, peixarias, fruteiras e centros de abastecimento de alimentos, que poderão prestar atendimento no horário compreendido entre as 8 h e as 20 h, sendo que o funcionamento deve ser realizado com equipes reduzidas e com restrição ao número de clientes concomitantes, como forma de controle da aglomeração de pessoas;

 

III – agropecuárias e clínicas veterinárias, prestarão atendimento em regime de plantão, para venda de insumos, rações, medicamentos e atendendimento de urgência/emergência;

 

IV – lavanderias;

 

V – distribuidores de gás;

 

VI – lojas de venda de água mineral;

 

VII – padarias, ficando proibido o consumo de alimentos no local;

 

VIII – restaurantes e lanchonetes somente poderão atender pelo sistema de teleentrega;

 

IX – postos de combustíveis, poderão funcionar no período compreendido entre as 8h e às 18 h, de segunda-feira a sábado, sendo vedada a manutenção de mesas para consumo nas dependências das lojas de conveniência;

 

X – distribuidoras de energia elétrica, água, saneamento básico, serviço de limpeza urbana e coleta de lixo;

 

XI – serviços de telecomunicações e de processamento de dados;

 

XII – clínicas de atendimento de serviços de saúde, serviços laboratoriais, clínicas de vacinas e estabelecimentos hospitalares, comércio de produtos, equipamentos e utensílios para a saúde, higiene e assepsia.

 

XIII – serviços de manutenção veicular, sob regime de plantão e exclusivamente para veículos envolvidos na execução de atividades essenciais.

Link para notícia no site Tua Rádio

Prefeitura de Caxias adverte mais de 160 locais por descumprimento do decreto

Estabelecimentos deveriam estar fechados desde a meia-noite de sábado. Alô Caxias fez mais de 300 atendimentos até o meio-dia, entre dúvidas e denúncias de locais abertos, além de esclarecimentos sobre o coronavírus

A Fiscalização da Secretaria Municipal do Urbanismo (SMU) flagrou mais de 160 estabelecimentos que descumpriram o decreto municipal, na manhã deste sábado (21), em Caxias do Sul. Seis equipes com 12 fiscais advertiram os locais abertos, como mecânicas, salão de beleza, quadras de esporte, bares e lancherias. Todos fecharam no momento da abordagem.

Os fiscais passaram a manhã inteira deste sábado percorrendo vários pontos da cidade para verificar denúncias de descumprimento do decreto municipal publicado nesta sexta-feira.

O Alô Caxias, telefone 156, que está de plantão exclusivo neste final de semana, prestou 300 atendimentos até o meio-dia, destes 84 eram denúncias. As demais ligações foram sobre o decreto (o que pode funcionar) e sobre prevenção, sintomas e onde buscar ajuda sobre o coronavírus.

Link para notícia no site Tua Rádio

Coronavírus: Feiras de Caxias do Sul são suspensas por uma semana

Decisão foi tomada após se verificar neste sábado (21) concentração de público nas feiras, principalmente de idosos, que são o grupo de risco de contágio

Devido à pandemia de coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Caxias do Sul decidiu também suspender, por uma semana, as Feiras do Agricultor, Ecológica e os Pontos de Safra. Segundo a Secretaria da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Smapa), após este período, haverá nova avaliação da continuidade da realização das feiras nos diversos pontos da cidade. 

A decisão foi tomada após se verificar neste sábado (21) concentração de público nas feiras, principalmente de idosos, que são o grupo de risco de contágio do coronavírus. Na sexta-feira (20), a secretaria já havia registrado redução de 50% no público do Ponto de Safra da Praça Dante Alighieri.

A suspensão ou não da Feira do Peixe Vivo, prevista para a Semana Santa, em abril, será definida nos próximos dias.

Link para notícia no site Tua Rádio

Coronavírus: Suspensa a cobrança do estacionamento rotativo em Caxias

Decisão vale pelo prazo de 10 dias a partir deste sábado (21).

Como mais uma medida para evitar a propagação do coronavírus em Caxias do Sul, a Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) informou que em conjunto com a empresa Rek Parking suspenderá a cobrança do estacionamento rotativo no município por 10 dias. A medida passa a valer a partir deste sábado (21), mas pode ser prorrogada.

A Rek Parking conta com 58 profissionais trabalhando em Caxias.

Link para notícia no site Tua Rádio

Secretário da Saúde de Arroio do Sal faz apelo para que população da Serra não vá para o Litoral Norte

Governador Eduardo Leite também decretou nesta sexta-feira a interdição das praias gaúchas

O Secretário Municipal da Saúde de Arroio do Sal, Diego Feldmann de Vargas, faz um alerta a toda a população para que não se dirija às praias do Litoral Norte nesta época de quarentena. Ele ressalta que o sistema de saúde das praias não tem estrutura para atender a população além dos moradores dos municípios nem estrutura para conter a propagação do coronavírus. “Estamos pedindo encarecidamente a toda a população que, o momento é tão precário, que o nosso Litoral Norte não tem estrutura suficiente para suportar a demanda além da nossa própria cidade. Então estamos pedindo que não desçam a Serra”.

Ele também salienta que os municípios litorâneos já baixaram decretos de Calamidade Pública, fechando o comércio e serviços não essenciais.

No final da tarde desta sexta-feira (20), o governador Eduardo Leite também promulgou um novo decreto interditando todas as praias do Rio Grande do Sul.

Ouça o apelo do Secretário Municipal da Saúde de Arroio do Sal AQUI.  

Link para notícia no site Tua Rádio

“Temos esperança de que tudo vai ficar bem”, diz caxiense que mora na Itália

Michael Chemello reside no país há quatro anos

O caxiense Michael Chemello reside na região de Bolonha, na Itália, há quatro anos e conversou com a Tua Rádio São Francisco, nesta sexta-feira (20). O engenheiro de automação relatou como está a situação do país diante da pandemia do coronavírus, tendo em vista que a Itália se tornou o epicentro do Covid-19. Chemello disse que, apesar do momento difícil, o país tem muita esperança de que “tudo vai ficar bem”.

Ouça AQUI a entrevista completa.

Link para notícia no site Tua Rádio

Agência do Sine de Caxias do Sul suspende atividades por 15 dias

Decisão foi tomada para prevenção contra o coronavírus. Medida vale a partir de segunda-feira (23)

A Fundação Gaúcha do Trabalho e Ação Social (FGTAS) emitiu um ofício, nesta sexta-feira (20/03), suspendendo por 15 dias as atividades das agências FGTAS/Sine do Rio Grande do Sul. A medida valerá a partir de segunda-feira (23/03), em virtude da propagação do novo coronavírus (Covid-19) pelo estado.

Aos trabalhadores que necessitarem dos serviços, podem acessar os sites www.gov.br e servicos.mte.gov.br. Ou pelos aplicativos para celular Sine Fácil, em relação a vagas de emprego e CTPS Digital, para carteira de trabalho.

Mais informações podem ser buscadas no www.fgtas.rs.gov.br. Dúvidas, esclarecimentos e notícias podem mandar e-mail para [email protected]

A decisão também altera o funcionamento do Programa Gaúcho de Artesanato (PGA) e o Vida Centro humanístico, em que os funcionários estarão em teletrabalho. Informações podem ser buscadas pelo [email protected]s.rs.gov.br e no [email protected]

Link para notícia no site Tua Rádio

Febraban recomenda o uso da internet para as transações bancárias

Setor bancário se compromete a assegurar a prestação de serviços essenciais

A Federação Brasileira de Bancos e a direção das instituições financeiras associadas asseguram que as agências bancárias permanecem abertas, com atendimento aos seus clientes, priorizando os públicos mais vulneráveis, como o de aposentados e pensionistas. O atendimento bancário, portanto, está garantido a todos. Em alguns municípios,  por determinações específicas de suas administrações públicas, os bancos podem apresentar orientações diferenciadas.

O setor bancário, portanto, se compromete a assegurar a prestação de serviços essenciais. Porém, recomenda-se enfaticamente que os usuários do setor bancário, atendendo às recomendações das autoridades sanitárias, evitem deslocar-se para as agências e deem preferência a usar produtos e serviços dos bancos por meio dos canais digitais disponíveis para a população. Por meio do celular e internet, os usuários podem fazer, com segurança, pagamento de contas, consulta de saldos e extratos, transferências financeiras, agendamento de pagamentos e contratação de serviços e empréstimos, entre outros.

Em nota, a entidade pede que se evite ir às agências bancárias, todos estarão colaborando para que os bancos possam priorizar o atendimento aos grupos mais vulneráveis, protegendo todos, inclusive os bancários, com a redução do fluxo de pessoas necessária aos esforços contra a disseminação do vírus covid-19.

Link para notícia no site Tua Rádio

Tua Rádio Alvorada adota medidas de segurança contra o covid-19

A emissora, que já vinha atuando com equipe reduzida, passa a seguir outras normativas

Desde o primeiro decreto municipal solicitando ações concretas de prevenção ao coronavírus, a Tua Rádio Alvorada implantou em seu ambiente, medidas reforçadas de higiene e passou a diminuir o número de pessoas que circulam em sua estrutura. Com o avanço das regras, cada vez mais rígidas, optou por adotar práticas que conciliam a necessidade de estar em operação – informação é serviço essencial a vida humana – com os pedidos de órgãos federais, estaduais e municipais.

A partir desta sexta-feira, 20/03, não há atendimento ao público no setor administrativo da emissora. Em caso de necessidade, clientes podem contatar pelo fone/whats 54.3371-0300. No que diz respeito à programação jornalística, a unidade móvel da emissora segue sem circular pelas ruas da cidade e as entrevistas seguem sendo realizadas apenas por meios eletrônicos – não-presenciais nos estúdios. Comentaristas também enviam seu conteúdo por meios eletrônicos, sem a necessidade de comparecer na empresa. Além disso, a partir de segunda-feira, 23/03, a equipe da Tua Rádio Alvorada passa a atuar em dois grupos distintos, sendo que um grupo faz seu turno pela parte da manhã e outro, pela parte da tarde. Colaboradores com mais de 60 anos fazem seu trabalho a partir de suas casas. Para ouvintes, o contato com a emissora segue sendo o whatsapp 54.99979-7515 ou o telefone 54.3371-0317.

Paralelo a isso, a empresa reforça as medidas de limpeza e higiene em todos os seus ambientes, conforme determina o Decreto Muncipal 5645, de 19/03/2020. Além da limitação da quantidade de pessoas em cada sala e da disponibilização do álcool gel para os funcionáris, está sendo realizada a higienização das superfícies de toque com álcool em gel 70% e a limpeza rigorosa das demais superfícies.

O compromisso da Tua Rádio Alvorada segue sendo o de levar a informação com credibilidade a todos os seus públicos. Neste momento em que a verdade é mais do que necessária – é questão de sobrevivência, estamos no ar em 107.7 FM e nas plataformas digitais, para cumprir nossa missão que é a de promover a paz e o bem na vida das pessoas e comunidades.

Link para notícia no site Tua Rádio

Município de Casca decreta estado de emergência para prevenção ao COVID-19

Decreto foi assinado nesta sexta-feira, 20/03

Nota divulgada pela administração de Casca incia lembrando que “é momento de cuidarmos uns dos outros pois a preocupação é com quem nós amamos” E faz o alerta: “fique em casa por você e pelos outros.”

A Prefeitura de Casca publicou nesta sexta-feira, 20/03, o Decreto nº 1847/2020 que declara estado de emergência em todo o território do Município para fins de prevenção e de enfrentamento à epidemia causada pelo COVID-19 (Coronavírus).
As principais medidas do decreto:

– Ficam suspensas as atividades de atendimento presencial de serviços por todas as secretarias, com

– A secretaria de saúde mantém o atendimento com restrições de aglomeração

– Poderão manter-se em funcionamento: mercados, padarias, fruteiras, restaurantes (somente com serviços de retirada no local ou telentrega), farmácias, postos de combustíveis, serviços funerários, segurança, água, energia elétrica, gás, internet, recolhimento de lixo, silos de armazenamento de grãos e imprensa.

– Ficam PROIBIDAS as atividades e serviços privados NÃO essenciais, a exemplo de academias, bares, centros comerciais, lotéricas, correspondentes bancários, oficinas mecânicas, lan-houses, centro de tradições gaúchas, igrejas, templos ou similares, museus, centros culturais, bibliotecas, entidades de representações sindicais e comércio em geral.

– As indústrias e serviços essenciais deverão operar somente com capacidade mínima, adotando sistema de escala (alimentação, ração).

– O transporte de passageiros deve ser feito com metade da capacidade de cada veículo.

– Ficam suspensas em todo o território municipal, aglomerações, seja em locais públicos ou privados, podendo ser tomadas as medidas necessárias pelos órgãos de segurança.

– Correios e agências bancárias poderão trabalhar em regime interno.

– Recomenda-se, ainda, a não circulação de pedestres nos espaços públicos, exceto os casos estritamente necessários.

O decreto é assinado pelo prefeito Domingos Kwiava…..

Link para notícia no site Tua Rádio

Linhas de transporte urbano passam por alterações

As mudanças são por tempo indeterminado

A empresa Marisul, responsável pelo transporte urbano de Marau está tomando algumas medidas protetivas a fim de evitar a proliferação do novo coronavírus, assim,estão sendo feitas algumas alterações nas linhas de transportes coletivos:

Sexta -feira, 20/03 – linhas normais até as 14h30

Sábado, 21/03 – transporte funciona com os horários de domingo

Domingo, 22/03 – transporte cancelado

Linha noite – transporte cancelado

A Partir da segunda feira,23/03 o transporte funcionará como horários de sábado.

O site da empresa passa por alterações durante toda a sexta -feira, 20/03, em caso de dúvidas entrar em contato com a Marisul através do telefone 3371 – 1500. 

Link para notícia no site Tua Rádio

Esporte Clube Juventude coloca o seu ginásio à disposição a Prefeitura de Caxias do Sul

Ginásio é coberto e fica localizado no Centro de Treinamentos

Pensando na nossa comunidade e procurando ser colaborativo em um momento tão difícil, o Esporte Clube Juventude coloca o seu ginásio coberto, localizado no Centro de Treinamentos, à disposição da Prefeitura de Caxias do Sul, para que seja utilizado da forma que julgar mais conveniente, imaginando um cenário onde será necessário o máximo de ajuda possível de todas as entidades.

Link para notícia no site Tua Rádio

Coronavírus: Prefeitura conta com apoio da Guarda Municipal para auxiliar em caso de descumprimento do isolamento domiciliar

A Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), esteve reunida com a Guarda Municipal (GM), na tarde desta quinta-feira (19), para solicitar apoio em casos de descumprimento do isolamento domiciliar de pessoas suspeitas ou confirmados com Covid-19.

Embasados na Lei Federal nº 13.979 e a portaria interministerial nº 5 de 17 de março de 2020, a GM poderá atuar na compulsoriedade das medidas de enfrentamento da emergência de saúde pública.

 

Link para notícia no site Tua Rádio

Prefeitura de Caxias suspende data da prova objetiva de Concurso Público

Decisão integra ações preventivas contra a disseminação do Covid-19

A Prefeitura de Caxias do Sul suspendeu a data da prova objetiva do concurso público referente ao Edital de Abertura nº 01/2020. A decisão considera o Decreto nº 20.831/2020 que declara situação de emergência para o enfrentamento do novo coronavírus. A nova data será divulgada por meio de edital, ainda sem previsão de publicação.

A orientação da Secretaria de Recursos Humanos e Logística (SMRHL) é para que os candidatos fiquem atentos à publicação do edital com a relação preliminar referente à homologação das inscrições e prazos para recursos.

Todas as informações sobre o certame ficam disponíveis nos sites www.legalleconcursos.com.br e www.caxias.rs.gov.br, no link “Concursos” ou no saguão do Centro Administrativo Municipal (rua Alfredo Chaves, 1333). Outras informações poderão ser obtidas pelo telefone (55) 3095-0002, junto à Legalle Concursos e Soluções Integradas Ltda.

Link para notícia no site Tua Rádio

Suspensa a realização de cadastros para vagas especias no estacionamento rotativo

A orientação é por tempo indeterminado

A fim de incentivar as pessoas que estão dentro do grupo de risco para o coronavírus a saírem menos de casa a Secretária de Cidade, Segurança e Transporte de Marau está suspendendo, por tempo indeterminado, os cadastros para vagas especias no estacionamento rotativo. O cadastro permite que gestantes acima de 24 semanas, idosos a partir de 60 anos, crianças de colo e pessoas com mobilidade reduzida utilizem de vagas preferenciais. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 3342-9527.

Link para notícia no site Tua Rádio

Polícia Civil investiga morte de homem no interior de Fontoura Xavier

Empresário teria sido morto no interior da cidade

A Polícia Civil investiga um homicídio registrado na comunidade de Três Pinheiros, interior de Fontoura Xavier nesta quinta-feira, 20/03.

Segundo informações prestadas pela polícia, Moacir Luis Rampanelli, popularmente conhecido como Chico Rampanelli, empresário em Fontoura Xavier morreu no local.

Chico e o caseiro estariam em uma horta, quando dois homens armados chegaram no local, mandaram o caseiro fugir e atiraram de arma de fogo na vítima. 

A Polícia Civil está investigando o caso e não descarta nenhuma possibilidade até o momento.

Link para notícia no site Tua Rádio

Marau decreta situação de emergência e fecha comércio, bares e restaurantes

Medidas são válidas por tempo indeterminado

Foi publicado no final da tarde desta quinta-feira, 19/03, o decreto 5.645  que estabelece situação de emergência e renova medidas complementares à prevenção da disseminação do COVID-19 (novo Coronavírus), no âmbito do município de Marau. O decreto é assinado pelo prefeito Iura Kurtz, com argumento nos avanços da pandemia do COVID-19 (Coronavírus) e os recentes protocolos emitidos pela Organização Mundial de Saúde, pelo Ministério da Saúde, pela Secretaria Estadual de Saúde e pelo Centro de Operações de Emergências. As decisões também consideram  as orientações do Ministério da Saúde e do Governo do Estado do Rio Grande do Sul. 

 Veja o decreto na íntegra clicando aqui.

Entre as decisões está a de fechar segmentos comerciais que na medida anterior tinham orientação de funcionar com capacidade reduzida. Restaurantes, bares, lanchonetes, padarias, lojas de conveniência e refeitórios, poderão se manter em atividade para venda de alimentos e bebidas apenas na modalidade de entrega em domicílio (telentrega) ou retirada no local, de alimentos prontos e embalados e bebidas lacradas, sendo vedado o consumo no local do estabelecimento. 

Segundo o artigo 12, ficam suspensas as atividades de estabelecimentos do comércio e serviços em geral, inclusive clínicas veterinárias. Podem funcionar os restaurantes, bares e lancherias em sistema de delivery. Também devem funcionar os estabelecimentos configurados como “de natureza essencial”, que são: tratamento e abastecimento de água;  geração, transmissão e distribuição de energia elétrica, gás e combustíveis; assistência médica e hospitalar;  distribuição e comercialização de medicamentos e gêneros alimentícios, tais como farmácias, supermercados, mercados e minimercados; serviços funerários; captação e tratamento de esgoto e coleta de lixo; telecomunicações;  processamento de dados ligados a serviços essenciais; segurança privada e imprensa em geral.

Para os estabelecimentos que ficarão em funcionamento, fica limitada a quantidade de pessoas, sendo uma a cada quatro metros quadrados da área comercial do estabelecimento.  Os estabelecimentos também deverão higienizar, a cada três horas, durante o período de funcionamento e sempre quando do início das atividades, as superfícies de toque (corrimão de escadas, maçanetas, portas, inclusive de elevadores, trinco das portas de acesso de pessoas, carrinhos, etc.), preferencialmente com álcool em gel 70% (setenta por cento) e/ou água sanitária, bem como com biguanida polimérica, quartanário de amônio, peróxido de hidrogênio, ácido peracético ou glucopratamina. 

Os estabelecimentos que estarão em funcionamento também precisam higienizar, preferencialmente após cada utilização ou, no mínimo, a cada três horas, durante o período de funcionamento e sempre quando do início das atividades, os pisos, paredes e banheiro, preferencialmente com álcool em gel 70% (setenta por cento) e/ou água sanitária, bem como com biguanida polimérica, quaternário de amônio, peróxido de hidrogênio, ácido peracético ou glucopratamina. Devem, ainda, manter à disposição e em locais estratégicos, álcool em gel 70% (setenta por cento), para utilização dos clientes e pacientes e funcionários do local.

Os locais de circulação e áreas comuns devem manter os sistemas de ar condicionados limpos (filtros e dutos) e, quando possível, manter pelo menos uma janela externa aberta, contribuindo para a renovação de ar. O funcionamento dos estabelecimentos autorizados deve ser realizado com equipes reduzidas e com restrição ao número de pessoas presentes concomitantemente, como forma de controle da aglomeração de pessoas. 

Em caso de descumprimento das determinações poderão se aplicadas penalidades. O decreto pode ser reavaliado e ter alterações a qualquer momento, de acordo com a situação epidemiológica do município. 

Ainda nesta sexta-feira, 20/03, será publicado uma portaria com recomendações de prevenção e higiene para todas as indústrias de Marau, que por ora mantém suas atividades, ficando a cada uma a decisão das ações, seguindo legislação federal e normas trabalhistas.

Link para notícia no site Tua Rádio

Sindibancários pede o fechamento de agências bancárias para conter o coronavírus

Movimento cobra padronização das medidas adotadas pelos bancos e maior agilidade de implantação, além de contingenciamento de acesso às agências, em casos específicos

O diretor-presidente do Sindibancários de Caxias do Sul e Região, informou em entrevista à Tua Rádio São Francisco, que o movimento sindical enviou um ofício aos municípios da região solicitando o fechamento de agências bancárias para combater o coronavírus.

Ouça AQUI a entrevista completa.

Na quarta-feira (18), a Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras do Rio Grande do Sul (Fetrafi-RS) encaminhou ofício ao governador Eduardo Leite solicitando o fechamento imediato das agências bancárias no Rio Grande do Sul para contenção da epidemia de coronavírus. Em Santa Catarina, a medida já foi tomada e apenas os caixas eletrônicos continuam funcionando.

Link para notícia no site Tua Rádio