Cerca de 400 produtores ainda não encaminharam uma declaração anual de rebanho

cerca-de-400-produtores-ainda-nao-encaminharam-uma-declaracao-anual-de-rebanho

Prazo, que encerria nesta segunda-feira, foi prorrogado até o final de julho

Em função dos impactos da pandemia de covid – 19, o prazo para entrega da declaração anual de rebanho, que fecharia nesta segunda-feira, 31 / 05, foi prorrogado para 31 de julho. O chefe da Inspetoria Veterinária e Zootécnica – IVZ de Marau, médico veterinário Maurício Flores, destaca que a entrega do documento é obrigatória, mediante preenchimento de formulário que está disponível no site da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural. Ele relata que são mais de 400 produtores que ainda não fizeram a declaração, nos quatro municípios da área de abrangência da unidade de inspetoria veterinária de Marau.

Em entrevista para a Tua Rádio Alvorada, Flores também falou sobre a elevação de status sanitário do Rio Grande do Sul. Na semana passada, a Organização Mundial de Saúde Animal – OIE – reconheceu, internacionalmente, o estado gaúcho como zona livre de febre aftosa sem vacinação. O profissional que atuou na linha de frente das campanhas de aplicação da vacina por vários anos, comemorou o feito lembrando que o trabalho agora consiste em ações de prevenção para manter a sanidade dos animais.

A Inspetoria Veterinária e Zootécnica de Marau está localizada na Avenida Presidente Vargas, próximo à antiga Cooproleite. O telefone de contato é o 3342. 5380. A unidade de Marau responde também pelos municípios de Vila Maria, Camargo e Nova Alvorada.