Acergs integra quadro de entidades que apoia o plantio das culturas de inverno

Se preferir, ouça este conteúdo no player de áudio da matéria

Está em andamento o programa de incentivo a implantação das culturas de inverno no Rio Grande do Sul. Trata-se de um trabalho que vem reunindo uma série de entidades ligadas ao setor primário, governo e iniciativa privada, com o objetivo de aumentar a área plantada com trigo, triticale, cevada e outras lavouras indicadas para o período, com objetivo de uso também na alimentação animal, custódios para produtores de leite, de suínos e de aves e sendo, ainda, opção de incremento na renda das propriedades.

Recentemente, a Acergs – Associação das Empresas Cerealistas do Rio Grande do Sul, aderiu à proposta, que é encabeçada pela Embrapa. A parceria, segundo Roges Pagnussat, que preside uma associação de empresários do setor de armazenamento, visa uma nova consciência sobre as lavouras de inverno – muitas delas já tradicionais na região norte gaúcha, como o trigo, por exemplo. Em recente entrevista para a Tua Rádio Alvorada, ele explicou que os envolvidos no projeto estão dispostos a mudar de paradigmas, amparados pelo pacote tecnológico da empresa de pesquisa.

intranet/userfiles/noticias/75e3eec8129f2ad4fa5a12c7eb95cba7.mp3