Governo repassa R$ 220 mil para Hospital Frei Clemente e salários de setembro podem ser quitados

Hospital deverá confirmar pagamento assim que verificar o dinheiro na conta

Lideranças da região de Soledade se reuniram nesta manhã de terça-feira, 31/10, em Porto Alegre junto ao governo do estado para tratar sobre a área da saúde e, em especial, o hospital Frei Clemente de Soledade.

O secretário estadual da Saúde, João Gabbardo dos Reis, garantiu que é uma preocupação a situação do Hospital Frei Clemente de Soledade com uma crise que agrava o atendimento de toda a região do Alto da Serra do Botucaraí.

Nesta segunda-feira foram pagos 30% dos repasses sobre o valor de produção por serviço, o que auxiliará os municípios e hospitais e, nesta terça-feira, governo quitará repasses finais de agosto e setembro, ficando somente sem prazo o mês de outubro.

A dívida dos municípios serão pagas no início do próximo ano quando, a partir de janeiro, o governo repassará R$ 20 milhões mensais junto aos repasses mensais, a fim de quitar as dívidas de 2015, 2016 e 2017, avaliadas em R$ 240 milhões.

Gabbardo lembrou que os R$ 180 milhões de 2014 não serão pagos pelo governador José Ivo Sartori, e serão renegociados com o próximo governador do estado do Rio Grande do Sul.

Nesta terça-feira, 31/10, foram pagos R$ 220 mil para o Hospital Frei Clemente de Soledade de repasses dos últimos meses, que ficará somente com a dívida do estado no mês de outubro.

Na reunião participaram também as lideranças regionais como prefeitos de Ibirapuitã, Mormaço e Barros Cassal, respectivamente, Rosemar Hentges, Rodrigo Trindade e Jovelino Zago, bem como o prefeito de Soledade Paulo Cattaneo.

A direção da casa de saúde deverá confirmar ainda hoje o pagamento do salários dos servidores do mês de setembro do hospital com este repasse do governo estadual. Outubro ainda segue sem previsão.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *